Ativistas protestam em frente a escola contra exploração de animais pelo circo Cole Brothers


Por Natalia Cesana  (da Redação)

Foto: Annie Snead

O Circo Cole Brothers chegou à cidade de Augusta, na Georgia (EUA), e os representantes da PETA (People for the Ethical Treatment of Animals) também. O grupo protestou contra o tratamento dado aos elefantes do lado de fora da Escola Elementar Monte Sano. Panfletos foram distribuídos às famílias, segundo informou o site da ABC 6.

“Esperamos que educando as crianças sobre os benefícios em se manter os animais em seu habitat natural façam com que elas escolham não freqüentar circos”, explicou Virginia Fort, representante da PETA.

Virginia disse ainda que os elefantes são apunhalados e feridos constantemente. Há algum tempo a PETA apresentou denúncia ao Departamento de Agricultura sobre o tratamento antiético que era aplicado. A representante da PETA quer que as pessoas ouçam a mensagem dela antes que o circo estréie neste final de semana.

Representantes do circo afirmam que os animais recebem tratamento compadecido. O circo convida ainda as pessoas a conhecer a tenda de treinamento.

“Não tenho certeza do que está nos bastidores, mas parece que eles apenas andam com animais e se divertem um pouco. Nós conhecemos e saudamos animais diferentes”, disse Tiffany Sands, mãe de um dos alunos. Ela foi uma das pessoas que pegou um panfleto oferecido por Virginia. Tiffany disse que lerá o que a PETA entregou a ela. “Vou ler para saber  quais são os prós e os contras.”

A escola enviou comunicado a todos os pais dizendo que não tem nenhuma ligação com o protesto e que a PETA estava do lado de fora.

A PETA informa que mais protestos contra o Circo Cole Brothers ocorrerão na noite de estreia.

Assista ao vídeo da reportagem:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>