ÚLTIMAS NOTÍCIAS:
  • Compartilhe

Texto

Pelo mundo

Imprensa internacional repercute ação de resgate dos animais no Instituto Royal

19 de outubro de 2013 às 14:20

Por Vinicius Siqueira (da Redação)

O incrível resgate dos animais no Instituto Royal obteve repercussão internacional, com veículos de diversos países publicando notícias sobre este momento histórico da luta pelo direitos animais no Brasil.

O resgate de quase 200 animais aconteceu na madrugada desta sexta-feira (18) em meio ao protesto de mais de 150 ativistas em frente ao portão de entrada do Instituto. Parte dos ativistas estava acorrentada ao portão desde sábado (12).

O argentino La Capital deu como manchete “Resgataram 200 cães de um laboratório”.

Segundo o jornal, “Um grupo de cerca de 100 ativistas que lutam contra os maus-tratos a animais invadiu pela madrugada de sexta-feira (18) o laboratório farmacêutico Instituto Royal, na cidade de São Roque, interior de São Paulo, e resgataram 200 cães da raça Beagle usados para testes em laboratório.”

Ativistas resgatam animais do Instituto Royal (Foto: Reprodução/La Capital)

Ativistas resgatam animais do Instituto Royal (Foto: Reprodução/La Capital)

O La Gaceta, periódico espanhol, noticiou o caso como “Quase 200 cães são salvos de laboratório ao serem libertados por ativistas”. Segundo o periódico, “Vário movimentos sociais e grupos de defesa aos animais espalharam pela internet imagens da ação realizada duranta a madrugada para libertar os cães da raça Beagle. Os responsáveis pela ação argumentaram que os animais eram usados em testes que o laboratório realizava para empresas farmacêticas e afirmaram que os levaram à clinicas veterinárias da região”.

Esta foi a imagem reproduzida no La Gaceta. (Foto: Reprodução

Esta foi a imagem reproduzida no La Gaceta. (Foto: Reprodução)

O italiano Green Me publicou “Assim como Green Hill [criadouro italiano que teve cães da Raça Beagle resgatados por ativistas] Instituto Royal tem centenas de cães libertados”.

“Assim como aconteceu no famoso Green Hill Montichiari, em 28 de abril de 2012, dia que tornou-se símbolo da luta pela libertação animal, esta noite no Brasil, alguns manifestantes invadiram o Instituto Royal, cerca de 60 km de São Paulo, e libertaram 200 animais, incluindo coelhos e cães da raça Beagle”, publicou.

Ação de ativistas brasileiros foi considerada igual a ação de ativistas italianos pelos direitos animais. (Foto: Reprodução)

Ação de ativistas brasileiros foi considerada igual a ação de ativistas italianos pelos direitos animais. (Foto: Reprodução)

O americano Al Nuevo Herald, maior jornal de língua espanhola no Estados Unidos, publicou a manchete “Ativistas pegam 178 cães de um laboratório farmacêutico no Brasil”. Também publicaram, “A ativista Giuliana Stefanini disse que ‘seis cães tinham tumores e estavam mutilados’ e acrescentou que ‘o que mais surpreendeu foi um cão sem os olhos’”. “Os ativistas asseguraram ter encontrado no laboratório vários fetos de ratos e um cachorro congelado em nitrogênio líquido”.

Seis pessoas foram feridas por balas de borracha durante protesto de ativistas dos direitos dos animais contra o Instituto Royal na rodovia Raposo Tavares.

 

  • Compartilhe

  • Imprimir Imprimir
  • Comunicar Erro

Enviar para um amigo
Comunicar erro

eu apoio a anda

Ricardo Young

ricardo young

Não há como construirmos uma sociedade sustentável se não nos reconectarmos com a vida em suas mais diversas manifestaçõ

Ricardo Young
Vereador (PPS/SP), empresário e um dos fundadores do Ethos

Vereador (PPS/SP), empresário e um dos fundadores do Ethos

Janine Borba

Janine Borba

Dizem que quem não gosta de samba bom sujeito não é, pois eu acho que quem não gosta de bichos bom sujeito não é! Eu que

Janine Borba
Jornalista e apresentadora

Jornalista e apresentadora

Veja todos os depoimentos »

Facebook
Você é o repórter
Siga a ANDA: