ÚLTIMAS NOTÍCIAS:
  • Compartilhe

Texto

Animais Silvestres

Filhotes de maritacas são acolhidos pela Polícia Ambiental em Catanduva (SP)

17 de janeiro de 2016 às 18:00

Maritaca

Divulgação

Dois filhotes de maritacas foram acolhidos pela Polícia Ambiental de Catanduva. Eles foram tirados da natureza. As aves foram encontradas em uma casa no bairro Gabriel Hernandes. Ao Corpo de Bombeiros a proprietária do imóvel disse que elas haviam sido abandonadas pela mãe. Equipes chamaram a Polícia Militar Ambiental de Catanduva. Ela foi multada em R$ 1 mil.

Segundo o 1º Tenente da Polícia Ambiental, Alonso Wendel Ferreira da Silva, como se tratavam de filhotes providenciaram alimentação no Bosque Municipal. “Os nossos Policiais treinados em manejo de flora estão alimentando os filhotes. Elas devem ser encaminhadas ao projeto que realiza a reintrodução dos animais à vida selvagem. Cabe salientar que retirar esses animais dos ninhos, por qualquer motivo é crime, passível a multa”, disse Silva. O valor varia de R$ 500 a R$ 1 mil, se forem utilizadas formas cruéis de terem estragado a vida desse animal para sempre.

Mais de 300 aves

A Polícia Militar Ambiental resgatou no ano passado 319 aves silvestres. Outras 65 foram resgatadas em cativeiro. Foram aplicados R$ 225.500 em multas no período. Foram encaminhadas a Polícia Ambiental 63 denúncias anônimas. Em 2015 também foram fiscalizados 57 criadouros. Do número total de aves resgatadas, apenas 238 delas conseguiram ser soltas na natureza.

No mês passado, uma operação realizada pela Polícia Ambiental, resultou na aplicação de R$ 36 mil em multa. Foram fiscalizados 21 criadouros de aves e resgatados 33 pássaros. Espécies, inclusive, em extinção foram encontradas pelas equipes. Treze alçapões que são armadilhas para aves também foram apreendidos. Entre as aves silvestres salvas estavam carcarás, gaviões, papagaios e maritacas.

Fonte: O Regional

Nota da Redação: Como nós, os animais nasceram para viver livremente. Manter um animal engaiolado é um dos crimes mais cruéis do ponto de vista ético. Infelizmente as nossas leis ainda permitem que algumas espécies de aves sejam caçadas, comercializadas e aprisionadas apenas para satisfazer a ganância e os desejos inconscientes e cruéis de algumas pessoas. Não podemos mais aceitar calados este tipo de prática como também todas as outras que tratam os animais apenas como mercadoria ou objeto de decoração. As leis precisam avançar e proibir qualquer forma de manutenção de animais em cativeiro.

  • Compartilhe

  • Imprimir Imprimir
  • Comunicar Erro

Enviar para um amigo
Comunicar erro

eu apoio a anda

Lúcia Veríssimo

LV

Existe um ditado que diz: diga-me com quem ANDAs e te direi quem és. Então, se vc tá seguindo essa pegada, quer dizer qu

Lúcia Veríssimo
Atriz

Atriz

Janine Borba

Janine Borba

Dizem que quem não gosta de samba bom sujeito não é, pois eu acho que quem não gosta de bichos bom sujeito não é! Eu que

Janine Borba
Jornalista e apresentadora

Jornalista e apresentadora

Veja todos os depoimentos »

Facebook
Você é o repórter
Siga a ANDA: