UMA ESPIRAL VIRAL

Animação expõe relação entre a os vírus pandêmicos e a exploração animal

Mariana Dandara | Redação ANDA

A iniciativa alerta para a necessidade de interromper o desmatamento, proteger habitats, proibir o comércio de espécies selvagens e, acima de tudo, por fim ao consumo de carnes e outros produtos de origem animal


Escute
Foto: Reprodução/YouTube

A pandemia de coronavírus pode ser um sinal de que coisa pior vem pela frente, especialmente se medidas urgentes não foram tomadas em âmbito coletivo e também individual. É esse o alerta feito pela animação “Uma Espiral Viral”, de Steve Cutts, que aborda as zoonoses infecciosas e a relação delas com a exploração animal e ambiental.

A animação foi produzida pelo departamento científico da Fundação Nicolaas G. Pierson do Partido Animalista Holandês e teve uma versão traduzida para o português. A narração do vídeo ficou por conta do biólogo Frank Alarcón por meio do partido político Animais, conhecido como a primeira iniciativa animalista política da América Latina

No vídeo, são expostos dados alarmantes como a extinção de 80% de todos os mamíferos selvagens, exterminados devido às ações humanas, e o aumento no número de animais explorados para consumo humano, que atualmente representam 60% de todos os mamíferos da Terra.

“Estamos destruindo as florestas para produzir ração animal, criar pasto para bovinos, extrair minerais ou povoá-las com humanos. Isso destrói a biodiversidade e aumenta em muito o risco de propagação de patógenos”, alerta a iniciativa.

Com a destruição ambiental, os animais selvagens ficam mais próximos dos centros urbanos e, por consequência, dos humanos, aumentando as chances de patógenos – antes restritos às florestas – contaminarem humanos, sob o risco de novas pandemias, como a do coronavírus, surgirem.

“Doenças de animais para humanos são facilitadas pela resistência antimicrobiana, intensificada pela agricultura e produção pecuária, mudanças climáticas, espécies invasoras e viagens e comércio internacionais”, enumera a animação. “Temos que interromper o desmatamento, proteger habitats e proibir o comércio de espécies selvagens. Mas acima de tudo, precisamos parar de consumir carnes e outros produtos de origem animal”, completa.

Confira o vídeo de “Uma Espiral Viral” abaixo:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RECONHECIMENTO

PRESERVAÇÃO

VAQUINHA ON-LINE

FINAL FELIZ

LEALDADE

COMPROMISSO

ESPECIAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>