CONSCIÊNCIA

Abaixo-assinado ‘Salve o Ralph’ passa de 1 milhão de apoiadores em 2 semanas

Change.org (em colaboração para a ANDA)

Campanha pela proibição dos testes cosméticos em animais mostra em animação o personagem Ralph, um coelho submetido a experimentos em laboratório


Escute
Foto: Reprodução | HSI

Uma campanha lançada pela ONG Te Protejo e o Humane Society International coletou em duas semanas 1,2 milhão de assinaturas pela proibição dos testes cosméticos em animais. O abaixo-assinado está hospedado na plataforma Change.org.

Um curta-metragem de Spencer Susser, lançado no último dia 12 pela Humane Society International, faz parte da campanha. O filme denuncia o sofrimento dos animais submetidos a testes em empresas de cosméticos durante a fabricação de batons, desodorantes, rímeis e outros produtos. Em formato de animação, o curta tem como protagonista o coelho Ralph.

Cego do olho direito, surdo de um dos ouvidos e com queimaduras químicas nas costas, Ralph parece aceitar a sina de ser um coelho cobaia que “trabalha” em experimentos acreditando na ilusão de oferecer mais segurança aos seres humanos. A crítica por trás do filme denuncia, porém, que nenhum animal deveria sofrer e morrer em nome da beleza.

Na petição, os criadores da campanha lembram que banir esses testes em animais não resulta em padrões de segurança menos eficazes ou em qualquer perda de inovação na área cosmética. “Não há absolutamente nenhuma razão pela qual animais deveriam continuar a sofrer e morrer em testes cosméticos feitos no Brasil”, enfatizam no abaixo-assinado.

Outro ponto lembrado pela petição é que quase 40 países já proibiram essa prática, enquanto o Congresso brasileiro tem se mostrado resistente em avançar na discussão, adiando medidas legais há mais de cinco anos. “Os testes cosméticos em animais são mal vistos por 3 entre 4 brasileiros”, destacam as organizações no texto da petição online.

Abaixo-assinado em mais dois países

Por acreditar que “a beleza não deveria custar tão caro”, a Humane Society International lidera ao redor do mundo a campanha #LiberteSeDaCrueldade. Neste momento, além do Brasil, ações legislativas similares estão sendo feitas em países como Chile, México, Estados Unidos, Canadá, África do Sul e também na região do sudeste asiático.

Abaixo-assinados centralizados na mobilização “Salve o Ralph” também foram criados nas versões mexicana e chilena da plataforma Change.org. No México, a petição também já engaja 1,2 milhão de apoiadores e no Chile são mais 280 mil pessoas envolvidas na causa.

A petição brasileira não para de crescer. Somente nas últimas 24 horas, foram coletadas mais de 100 mil novas assinaturas. Veja clicando aqui.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

VIDA NOVA

RIO DE JANEIRO

ALTERNATIVA VEGANA

GENEROSIDADE

REABILITAÇÃO

EMPATIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>