RIO CLARO (SP)

Protetoras buscam um lar para 53 cães após morte de tutora

Vitória Viviann | Redação ANDA

Os cachorros moravam com a ex-tutora e seu marido, que faleceram de Covid-19 no final do mês de março


Escute
Foto: Jornal Cidade 

Protetoras da causa animal da cidade Rio Claro (SP) estão lutando para encontrar um lar para dezenas de cães que estão sem ter para onde ir após a morte da ex-tutora. São aproximadamente 53 cachorros que estavam sendo cuidados pela tutora, Dona Rita Souza, e o marido. Eles moravam no Jardim Independência, ao lado da Escola Estadual Zita Camargo Correa. Mas, infelizmente, os dois vieram a falecer de Covid-19 no final do mês de março e os cachorros estão em risco.

De acordo com o site Jornal Cidade, um grupo de protetoras está fazendo uma campanha para a população adotar os cachorros. Todos estão passando por exames e sendo vacinados. A casa onde os cachorros estão precisa ser devolvida para para o proprietário, porque o casal vivia de aluguel imóvel. “A gente precisa tirar esses cachorros de lá o mais rápido possível, o dono já quer a casa. Ganhamos bastante ração e produtos de limpeza, mas o que mais precisamos é da adoção desses cachorros. Eles não tem onde ficar, precisamos de um lar para cada um deles”, disse Giselle Pfeifer, que está ajudando na ação.

São cachorros de várias raças, cores e tamanhos. A adoção responsável vai ajudar na campanha organizada pelas protetoras de Rio Claro.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

VIDA NOVA

RIO DE JANEIRO

ALTERNATIVA VEGANA

GENEROSIDADE

REABILITAÇÃO

EMPATIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>