AMOR

Ativista adota jumento e o trata como filho: ‘minha recompensa é o sorriso dele’

Mariana Dandara | Redação ANDA

Django encanta os internautas e tem sua história usada como um incentivo à adoção de jumentos. "Adote um jumentinho você também", disse a tutora do animal, a vereadora Jacqueline Gouveia (PRB)


Escute
(Foto: Reprodução/Instagram/@jacqueline.f.gouveia)

A ativista da causa animal Jacqueline Gouveia, vereadora do município de Juazeiro do Norte, no Ceará, é tutora de um jumento meigo e sorridente que conquistou as redes sociais. Django, como é chamado, foi adotado pela fundadora do abrigo Lar Brilho Animal quando era filhote e vive cercado de amor.

Django teve a sorte que muitos jumentos não têm ao serem explorados para puxar carroças e mortos para consumo humano. No abrigo da vereadora, ele vive livre e frequentemente aparece na janela de uma casa situada dentro do terreno e olha para sua tutora com uma expressão meiga que parece dizer “Jacqueline, vem me dar um chamego”.

Enquanto a ativista conversa com o jumento, ele vira a cabeça em sinal de ternura. Um desses momentos foi registrado em um vídeo que viralizou após ser publicado na página “O Brasil que Deu Certo” (confira abaixo).

Nas sua rede social pessoal e no Instagram do abrigo, Jacqueline mostra um pouco da sua rotina ao lado dos animais resgatados de maus-tratos e do abandono. Nos braços da ativista, eles encontram o respeito e o afeto que outros humanos lhes negaram. “Depois de um dia difícil e cansativo, minha recompensa é o sorriso de Django”, escreveu Jacqueline nas redes sociais.

(Foto: Reprodução/Instagram/@jacqueline.f.gouveia)

Questionada por um internauta sobre o amor que sente pelo jumento, a vereadora afirmou que o ama demais, “como um filho”. Em uma publicação nas redes sociais, Jacqueline incentivou a sociedade a lutar contra “o espírito inconsciente de crueldade com que tratamos os animais” e lembrou que eles sofrem tanto quanto os humanos. Segundo ela, a verdadeira humanidade não permite que as pessoas imponham sofrimento aos animais. “Até que estendamos nosso círculo de compaixão a todos os seres vivos, a humanidade não encontrará a paz”, escreveu.

“Adote um jumentinho você também”

Além de dar uma vida digna aos animais que resgata, Jacqueline Gouveia usa sua influência para incentivar a adoção de animais, inclusive dos jumentos. Se doar cachorros e gatos já é uma tarefa árdua, encontrar um adotante disposto a dar um lar para um jumento, sem ter a intenção de explorá-lo ou matá-lo, é ainda mais difícil.

Para combater os maus-tratos contra a espécie e incentivar a adoção, a vereadora divulgou em suas redes sociais a história de Kakau, uma jumentinha que sofria nas mãos de um carroceiro. “Depois de ter conhecido o sofrimento ainda tão jovem, Kakau terá uma vida maravilhosa”, escreveu a ativista ao contar que o animal havia sido adotado pelo projeto Pet Social – Patinhas de Rua.

(Foto: Reprodução/Instagram/@jacqueline.f.gouveia)

“Quem me dera poder fazer o mesmo por todos os que sofrem”, disse a vereadora, que mostrou as marcas de maus-tratos existentes no corpo de Kakau, que ficou sob a responsabilidade da ativista Ana Cláudia, do Pet Social.

Em um vídeo divulgado pela vereadora, Ana Cláudia fala sobre a experiência de adotar a jumentinha. “Estou superfeliz de poder dar um lar para essa mocinha. É uma problemática muito grande os animais de tração e precisamos ter um novo olhar para essa turminha, que precisa de nossa ajuda”, disse. Em seguida, Jacqueline incentiva os internautas e diz: “Adote um jumentinho você também”.

Confira o vídeo de Django que viralizou nas redes sociais:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

BRECHAS LEGAIS

DENÚNCIA

ATROCIDADE

POLÍTICA PÚBLICA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>