DESUMANIDADE

Gatinha é abandonada pelos tutores após completar 17 anos

Giovanna Machado | Redação ANDA

Gata idosa que foi abandonada recebe segunda chance para ser feliz


Escute
Foto: Reprodução | Histórias Com Valor

Uma gatinha de 17 anos chamada Kaelle ficou completamente desolada depois da decisão de sua antiga família de a abandonar por conta de sua idade avançada e dos cuidados que precisaria. Eles contataram uma organização que foi retirar o animal de sua antiga casa e o encaminhou para um abrigo seguro.

A gatinha foi examinada por um veterinário que constatou que ela estava saudável. “Kaelle era bastante saudável considerando sua idade. Ela foi muito meiga, na clínica deixou a equipe veterinária examiná-la sem reclamar”, comentou Celine Crom, membro da equipe de resgate.

A gata ficou sentada em um canto de sua gaiola, permaneceu sozinha e em silêncio, passando os primeiros dias olhando fixamente para o chão, com a cabeça baixa, parecendo que tinha caído em uma depressão profunda. Apesar das inúmeras tentativas da equipe de animá-la, Kaelle continuou cabisbaixa por algum tempo. Até que Amadine, uma voluntária da organização, ficou sabendo da situação infeliz de Kaelle e decidiu adotá-la.

A mulher tentou dar-lhe toda a ajuda de que precisava, e não mediu esforços para faze-la se sentir confortável e segura em sua nova casa.

No início, Kaelle ainda estava triste e bem tímida, mas com muito amor e paciência, Amadine conseguiu a confiança da gata ao poucos. Em alguns dias, a gatinha passou a buscar carícias, explorar todos os cantos da casa e dar muito amor para sua nova tutora.

Foto: Reprodução | Histórias Com Valor

Quando se sentiu mais confortável e percebeu que estava segura, Kaelle começou a demonstrar seu lado alegre e brincalhão. Apesar da idade, a gata ainda é bastante habilidosa e ativa, adorando brincar e correr. “Kaelle é naturalmente calma e adora ser acariciada. Ela gosta de estar perto de seus humanos e fazer companhia a eles enquanto trabalham”, comentou Celine.

A gata parece muito feliz em sua nova casa e é muito amada pela sua nova família adotiva. Agora está em um ambiente amoroso e seguro, e poderá passar o resto de sua vida sendo bem cuidada.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

VIDA NOVA

RIO DE JANEIRO

ALTERNATIVA VEGANA

GENEROSIDADE

REABILITAÇÃO

EMPATIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>