FINAL FELIZ

Ursos que estão há 18 anos em zoo irão viver em meio a montanhas em santuário

Mariana Dandara | Redação ANDA

O Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos anunciou uma campanha de arrecadação de recursos com verba destinada à construção do recinto dos ursos


Escute
Foto: Reprodução/Instagram/zoodoisirmaos

O aprisionamento para entretenimento humano não fará mais parte da realidade dos ursos pardos Úrsula e Zé Colméia, que serão transferidos do Zoológico Dois Irmãos, em Recife, no estado de Pernambuco, para o Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos, em Joanópolis, município do estado de São Paulo localizado na região da Serra da Mantiqueira.

Para que a transferência seja efetuada, alguns requisitos precisam ser preenchidos, dentre eles a construção do recinto que abrigará a dupla. Diante dessa necessidade, o santuário anunciou uma campanha de arrecadação de recursos com verba destinada às obras.

“Precisamos da ajuda de todos vocês para construir o recinto o mais rápido possível e proporcionar uma nova vida aos ursinhos Úrsula e Zé Colméia! De acordo com informações, eles são irmãos do Urso Robinho, que vive no zoológico de Goiânia. Em breve, será lançada uma campanha para arrecadação! A sua ajuda é fundamental! Gratidão sempre!”, diz uma publicação nas redes sociais do santuário, assinada pelos fundadores da instituição, Silvia e Marcos Pompeu.

Na postagem, foi relatado que o zoológico decidiu ceder os animais ao santuário após quase um ano de negociações. A notícia de que os ursos poderiam ser levados ao Rancho dos Gnomos foi dada no dia do aniversário de Marcos, que ficou muito feliz com a possibilidade de oferecer uma vida melhor à Úrsula e Zé Colméia.

“Os nossos corações estão transbordando de emoção e gratidão! Em quase um ano de muitas reuniões, avaliações técnicas, documentação e incontáveis vibrações de boas energias, a fim de ser decidido o melhor para os animais. E assim aconteceu! Fomos informados ontem, exatamente no dia do aniversário do Marcos, fundador do Santuário Rancho dos Gnomos. O melhor presente que poderíamos receber!”, diz o post.

Os ursos pardos viveram no Zoológico de Goiânia até 2003, quando foram levados para Recife, onde permaneceram por quase duas décadas. “A nova mudança dos animais é devido ao plano diretor, pautado na preservação da fauna, flora, animais ameaçados de extinção, ampliação das unidades de conservação e priorizando a biodiversidade local. É um projeto inovador, onde cada instituição conservacionista consegue fazer o melhor na sua especialidade”, escreveram Silvia e Marcos no Instagram.

“No Santuário Rancho dos Gnomos, Estado de São Paulo, eles viverão em meio às montanhas na Serra Mantiqueira, o clima predominante é friozinho, aconchegante e ideal para a espécie”, completaram.

Os fundadores do santuário aproveitaram a oportunidade para agradecer a equipe técnica do Parque Dois Irmãos e da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade “pela sensibilidade em prover o melhor aos irmãos ursos”. “Gratidão, também, a todos que colaboraram com a missão!”, afirmaram.

Dentre os colaboradores citados pela instituição, está a ativista e ex-vereadora do Recife, Goretti Queiroz, que entrou em contato com o santuário para consultar se era possível abrigar o casal de ursos. Imediatamente, Silvia e Marcos aceitaram.

“Uma grande conquista a transferência dos ursos para um local de clima adequado à espécie. Há 18 anos vivendo em minúsculo espaço no calor de 30° em média, nossos ursinhos terão melhor qualidade de vida. Que possamos cada vez mais conquistar a liberdade aos animais de zoológicos”, disse a ativista em entrevista à ANDA.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

VIDA NOVA

RIO DE JANEIRO

ALTERNATIVA VEGANA

GENEROSIDADE

REABILITAÇÃO

EMPATIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>