SEGUNDA CHANCE

Burro é resgatado após ter patas amarradas com cordas de plástico

Bruna Araújo | Redação ANDA


Escute
Foto: Reprodução | YouTube

Um burrinho foi encontrado muito debilitado após alguém amarrar tiras de plástico em suas patas. Os pedaços de corda causaram inchaço e cortaram a pele do animal, causando ferimento profundos e graves. Ele mal conseguia andar e uma equipe da Animal Aid foi chamada para realizar o resgate. O burro sentia tanta dor que mal conseguiu reagir quando foi abordado pelos agentes da organização.

Ele foi acomodado em um trailer e encaminhado para receber cuidados veterinários. O burro foi carinhosamente batizado de Pêssego. Primeiro, ele recebeu analgésicos e anti-inflamatórios. As cordas foram cortadas e deixaram expostos ferimentos terríveis que assustaram a equipe médico-veterinária. Hoje, após várias semanas de tratamento, ele é um novo burrinho.

Pêssego sobreviveu à negligência e à maldade humanas e agora tem uma nova vida em um abrigo da Animal Aid. Toda a sua dor ficou no passado e ele descobriu que existem pessoas amorosas e compassivas em quem ele pode confiar. Agora, ele está saudável, feliz e confortável.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

EXEMPLO

CICLOVIA RIO PINHEIROS

ESTRESSE

RESILIÊNCIA

BRECHAS LEGAIS

DENÚNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>