ESTUPIDEZ HUMANA

Morsa que descansava após dias de migração é assediada por turistas

Bruna Araújo | Redação ANDA


Escute
Foto: Reprodução | Daily Mail

A morsa carinhosamente chamada de Wally fugiu assustada após passar uma semana descansando na orla de Pembrokeshire, no País de Gales. O animal fez uma longa migração do Ártico e estava repousando tranquilamente até ser assediada e perturbada por turistas que tentaram se aproximar do animal com jet-skis, pranchas de remo e drones.

Terry Leadbetter, representante do Welsh Marine Life Rescue, uma organização sem fins lucrativos, afirma que as pessoas são irresponsáveis e inconscientes. “Foi um pesadelo absoluto tentar manter as pessoas afastadas. Havia até pessoas voando drones tentando chegar perto. As pessoas estavam se aproximando alguns metros da morsa”, disse.

Foto: Reprodução | Daily Mail

Ele alerta ainda que morsas podem reagir violentamente se sentirem ameaçadas. “Wally sabia que havia gente lá e estava obviamente perturbado. As morsas são conhecidas por atacar barcos e matar pessoas, então, como qualquer outro animal selvagem, você não quer chegar muito perto, só para garantir. Essas pessoas estão simplesmente indo nessa e arriscando-se”, explica.

Terry aponta também que lamenta a futilidade e egoísmo das pessoas. “Acreditamos que as pessoas estão quebrando as restrições da Covid-19 ao cruzar a fronteira com a Inglaterra para ver o animal. Houve um relato de que alguém até viajou de lugares tão distantes como Essex e muitas pessoas não se limitaram ao distanciamento social”, concluiu.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ESTRESSE

RESILIÊNCIA

BRECHAS LEGAIS

DENÚNCIA

ATROCIDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>