FELICIDADE

Paciente que venceu a Covid-19 reencontra cadela ao receber alta: ‘me renovou a esperança’

Mariana Dandara | Redação ANDA

Durante os 57 dias em que esteve internado, Aguinaldo Lazaretti, de 56 anos, pediu para ver seus familiares e a cadela Flora


Escute
Foto: Arquivo pessoal

Aguinaldo Lazaretti, de 56 anos, venceu a Covid-19 e teve a felicidade de ser recepcionado na saída do hospital não só por sua esposa e seus filhos, mas também pela cadela Flora, tratada como membro da família. Internado por 57 dias no Hospital Arcanjo São Miguel, em Gramado, na Serra do Rio Grande do Sul, o paciente recebeu alta na última quarta-feira (7).

O paciente ficou surpreso e feliz ao perceber que Flora estava junto de sua esposa Elenara, dos dois filhos, Pedro e João Vitor, e dos profissionais da instituição. “Eu não esperava essa surpresa e nem sabia se era possível mas quando isso se concretizou, parece que deu uma renovada dentro de mim. Era um momento tenso, eu saindo do hospital depois de 57 dias. Ela [a cadela] me renovou a esperança, ao ver aquele animalzinho que só quer o bem. Temos muito o que aprender com eles”, disse Aguinaldo ao G1.

Intubado duas vezes, o paciente passou a maior parte da internação na UTI, período durante o qual pediu aos médicos para ver seus familiares e a cadela, que tem dois anos de idade.

Foto: Arquivo pessoal

Para Elenara, a sobrevivência do marido é um milagre. “É uma prova de um milagre ele ter sobrevivido graças a Deus. E diante de tanta tristeza da Covid, achei muito lindo a atitude do hospital”, afirmou a esposa ao se referir à autorização para que a cadela entrasse na unidade de saúde.

Permitir que animais visitem seus tutores internados é uma iniciativa do Hospital Arcanjo São Miguel que visa humanizar o atendimento. No entanto, para que isso ocorra, a visitação é feita de maneira controlada e seguindo protocolos que incluem a necessidade da família apresentar um atestado veterinário.

Além disso, serviços internos da unidade, como o Serviço de Controle de Infecção Hospitalar e o Núcleo Interno de Segurança do Paciente, precisam autorizar a visita, considerada um direito pela Lei Estadual N° 15.352/2019.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CRIME AMBIENTAL

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA

EXEMPLO

CICLOVIA RIO PINHEIROS

ESTRESSE

RESILIÊNCIA

BRECHAS LEGAIS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>