CRUELDADE

Cão é resgatado após passar fome e ser mantido amarrado pela pata traseira

Mariana Dandara | Redação ANDA

Numa tentativa desesperada de matar a fome, o cachorro se alimentava das fezes de duas tartarugas que também eram mantidas no imóvel


Escute
Foto: Divulgação

Um cachorro que foi submetido a maus-tratos teve sua vida salva após ser resgatado no município do Rio de Janeiro. O animal morava em uma casa no bairro Bento Ribeiro, na Zona Norte da cidade.

Faminto, o cão não recebia alimentação e também não tinha água à disposição. Quando foi encontrado, ele estava amarrado por uma das patas traseiras, correndo o risco de sofrer uma lesão.

O resgate foi realizado graças a uma ação conjunta entre a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) e a Subsecretaria Estadual de Proteção Animal (DPMA).

Numa tentativa desesperada de matar a fome, o cachorro se alimentava das fezes de duas tartarugas que também eram mantidas no imóvel. A manutenção de animais silvestres em cativeiro configura crime ambiental.

“Ninguém aqui aguentava mais ver o sofrimento desse cachorro. Amarrado dia e noite, sol e chuva, sem comida. Eu e outros moradores decidimos colocar ração e água no quintal. Todos aqui na rua estamos aliviados em saber que o sofrimento dele acabou”, revelou uma moradora ao portal O São Gonçalo.

“Quantas noites eu ficava angustiada ouvindo esse cachorro latir, na chuva, a madrugada toda, e o tutor não fazia nada. Uma situação desesperadora”, completou.

Os policiais informaram ainda que o quintal da residência estava em condição insalubre, com bastante lixo amontoado, e que os animais eram obrigados a viver nesse ambiente.

O tutor dos cães foi levado à delegacia e responderá por maus-tratos e crime ambiental. Após o resgate, o cachorro foi adotado e encaminhado para seu novo lar.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TRAGÉDIA

COVARDIA

CATIVO EM ZOO

CRIME AMBIENTAL

RESPONSABILIZAÇÃO

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA

ESCRAVIDÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>