COMOVENTE

Cão deprimido sofre com a solidão e a falta de esperança em abrigo

Caroline Siqueira | Redação ANDA


Escute
Foto: Karen Riatto via Facebook

Karen Riatto, uma jovem argentina protetora dos animais, fez uma publicação comovente recentemente.

Riatto postou uma foto de sua visita em um abrigo de animais. Nela é possível visualizar um cãozinho de cabeça baixa e semblante triste.

“Olha essa foto, é isso que eu quero dizer quando insisto tanto em adotar, não comprar, salvar vidas, resgatar, adotar velhos, cachorros grandes, tirar de abrigos e canis, ajudar, se envolver”, disse Karen na sua publicação do Facebook.

O post gerou uma comoção intensa, conseguindo mais de 8.000 reações e aproximadamente 125.000 compartilhamentos na rede.

Infelizmente, a situação do pobrezinho da foto é muito recorrente. Segundo o Instituto Pet Brasil, no Brasil existem 172.000 animais vivendo sob tutela de ONG’s. Deste número, 96% são cães e 4% são gatos.

Mas o número mais preocupante são dos animais em condição de vulnerabilidade, que são aqueles cuidados por famílias classificadas abaixo da pobreza, ou que vivem nas ruas. São 3,9 milhões de pets vivendo como ACV’s.

Entretanto, a adoção de animais parece estar ganhando popularidade. De acordo com dados da ONG Ampara Animal, a adoção no Brasil cresceu em aproximadamente 50% em 2020.

Para Leonardo Brandão, coordenador da COMAC (Comissão Animais de Companhia), esse aumento pode continuar em alta.

“O relacionamento das pessoas com os animais vem se intensificando ao longo do tempo. As pessoas estão tratando pets como membros da família. Isso ajuda a abrir os olhos dos indivíduos para esses canais de adoção. E essa não deve ser uma tendência passageira. Acredito que cada vez mais as pessoas darão preferência para acolher animais que foram abandonados ou estão em situação vulnerável”, pontua Brandão.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

COMOVENTE

ACIDENTE

Acolhimento

CRUELDADE

FINAL FELIZ

ACIDENTE

DESAPARECIMENTO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>