CRIME

Protetora de animais é presa por maus-tratos a cães no Paraná

Mariana Dandara | Redação ANDA

Cerca de 80 cachorros viviam em condições precárias em um abrigo no bairro Palmitalzinho


Escute
Foto: Divulgação/PCPR

A Polícia Civil prendeu uma protetora de animais de 55 anos pelo crime de maus-tratos a cachorros mantidos por ela em um abrigo na cidade de Quatro Barras, na Região Metropolitana de Curitiba. A ação policial foi realizada última na segunda-feira (8).

Os policiais informaram que a mulher submetia cerca de 80 cachorros a maus-tratos. Eles viviam em condições precárias em um abrigo no bairro Palmitalzinho.

A mulher passou a ser investigada por suspeita de maus-tratos a animais após o Departamento de Proteção Animal de Quatro Barras receber uma denúncia sobre o caso.

“Chegando ao local infelizmente encontramos uma situação totalmente inadequada. Nós encontramos animais doentes, resgatamos vários animais, levamos para a clínica veterinária, demos voz de prisão para essa protetora, foi conduzida para a delegacia”, afirmou ao G1 o delegado Matheus Laiola.

Dos aproximadamente 80 cachorros encontrados no abrigo, sete estavam em piores condições e foram levados imediatamente a uma clínica veterinária para que pudesse receber os cuidados necessários. O restante foi levado para o abrigo da prefeitura.

Maltratar cachorros e gatos é crime previsto na Lei Sansão, recentemente sancionada no Brasil. Com a nova legislação, os criminosos poderão ser punidos com prisão de até cinco anos, além de multa e da proibição de tutelar outros animais.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA

PUNIÇÃO

MAUS-TRATOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>