CRIME BÁRBARO

Cachorro morre afogado após ser jogado em rio com tijolos amarrados à coleira

Redação ANDA

O caso foi denunciado às autoridades, que conseguiram identificar o autor do crime


Escute
Foto: Dr/pm

Um cachorro morreu afogado após ser jogado no rio Arade, no município de Lagoa, em Portugal, com dois tijolos amarrados a sua coleira. Responsável pelo crime, o tutor do cão foi detido pela polícia na última quarta-feira (3).

O caso foi denunciado à Guarda Nacional Republicana (GNR), que por sua vez acionou a Polícia Marítima (PM) de Portimão, que atua na área em que o crime aconteceu.

Pessoas que passavam pelo local encontraram o cachorro já sem vida e acionaram as autoridades. De acordo com a PM, a equipe “deslocou-se de imediato ao local tendo retirado o corpo do animal da água com o apoio técnico da veterinária da Câmara Municipal de Lagoa, que o transportou posteriormente para o canil municipal”.

O cachorro não tinha microchip, tampouco registro de identificação. Seu tutor foi identificado após diligências da Polícia Marítima junto de várias clínicas veterinárias. Internautas que viram a foto do cachorro, amplamente divulgada nas redes sociais, também ajudaram a identificar o criminoso.

Ao ser questionado pelos agentes, o tutor do cão confessou o crime. Como justificativa, ele afirmou que matou o animal porque ele era agressivo. No entanto, fotos publicadas pelo homem nas redes sociais desmentem seu próprio argumento, já que nelas ele aparece abraçando o cachorro e afirmando que o animal é dócil e meigo.

O crime, que gerou indignação e revolta na internet, será denunciado ao Ministério Público de Portugal.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

COREIA DO SUL

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>