FINAL FELIZ

Cadela que teve patas amputadas após ser atropelada por trem ganha próteses e volta a andar

Redação ANDA

10/01/2021

A cadela foi encontrada ensanguentada nos trilhos de um trem em Faridabad, Haryana, na Índia


Escute
A cadela foi resgatada após ser atropelada por um trem (Foto: AFP)

Uma cadela em situação de rua atropelada por um trem ganhou próteses após ter suas patas dianteiras amputadas na Índia. A história da cadela gerou grande comoção nas redes sociais, o que possibilitou que ela encontrasse um lar no Reino Unido.

Com cerca de três anos de idade, Rocky foi submetida a um tratamento veterinário que durou cerca de um ano. Os cuidados especiais foram essenciais para garantir que ela pudesse recuperar sua qualidade de vida após o acidente.

Em outubro de 2019, ela foi encontrada ensanguentada nos trilhos de um trem em Faridabad, Haryana, na Índia. Um policial rodoviário foi o responsável pelo resgate. Comovido com o sofrimento da cadela, ele a levou até uma unidade da ONG People for Animals India (PFA), de onde foi levada para uma clínica veterinária.

Em estado grave, Rocky foi submetida a uma transfusão sanguínea e precisou ter as duas patas dianteiras amputadas. Ela também tinha ferimentos nas patas traseiras, que foram tratados.

Ravi Dubey, presidente do People for Animals India (PFA), afirmou à agência de notícias AFP, que a cadela se recuperou e “é uma batalhadora”.

Durante o tratamento da cadela, que incluiu aprender a se equilibrar sem as patas dianteiras, um vídeo pbulicado pela PFA chegou à organização britânica Wild at Heart Foundation. Especializada no resgate de cães, a entidade decidiu ajudar Rocky.

Ao procurar um novo lar para a cadela, a associação se deparou com um indiano que mora em Londres e estava disposto a financiar próteses para que Rocky pudesse voltar a caminhar. As peças foram produzias por um especializada de Jaipur, no estado de Rajasthan, na Índia.

Em julho, Rocky recebeu as próteses e deu seus primeiros passos. As boas notícias, no entanto, não param por aí. O esforço para encontrar uma família para a cadela deu certo e o Reino Unido passou a ser seu novo lar.

Estimativas apontam que cerca de 30 milhões de cachorros vivam em situação de rua na Índia.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"62516":{"name":"Main Accent","parent":-1}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default Palette","value":{"colors":{"62516":{"val":"rgb(255, 255, 255)"}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
DOE AGORA

COMPARTILHE:

Você viu?


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"cf6ff":{"name":"Main Color","parent":-1},"73c8d":{"name":"Dark Accent","parent":"cf6ff"}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default","value":{"colors":{"cf6ff":{"val":"rgb(243, 243, 243)","hsl":{"h":0,"s":0.01,"l":0.95}},"73c8d":{"val":"rgb(217, 216, 216)","hsl_parent_dependency":{"h":1,"l":0.85,"s":-0.05}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
OK
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
>