Vendedora alimenta cachorrinho sem lar com a própria marmita


Foto: Reprodução.

Renata tem 42 anos e trabalha como vendedora em uma loja localizada na Baixada Santista, no município de Cubatão (SP). Na manhã de 23 de setembro de 2020, que poderia ser um dia como qualquer outro, Renata teve um visitante inesperado no seu local de trabalho.

“(…) o cachorrinho entrou na loja e até achei que estava com algum cliente, porque olhava por todo o local. Mas, quando olhei para ele, enxerguei um olhar triste, que doeu meu coração”, contou.

Sem ter nenhum alimento próprio para dar ao cachorro em situação de rua, Renata pegou o único alimento que havia levado para o trabalho para o seu café da manhã e o ofereceu de bom grado.

Agachando em uma parte da loja, ela deu o alimento em uma simples folha de papel. Nesse mesmo momento, uma colega de trabalho registrou o momento solidário, e a foto – postada na página oficial da loja de departamentos, a qual igualmente apoia a adoção responsável de animais – viralizou na internet. Milhares de pessoas comentaram, curtiram e compartilharam a imagem.

Não seria a primeira vez – e não será a última – que Renata auxiliou um animal sem lar. Desde pequena, ela sempre foi apaixonada de animais e já resgatou tanto cachorros quanto gatos abandonados.

“De vez em quando, aparecem pela avenida da loja alguns animais abandonados andando por ali, então, meus colegas já sabem que eu costumo ajudar”, comentou. “O cachorrinho estava com um pouco de sarna, e percebi que só queria carinho. Depois que ele se alimentou, foi embora”.

Renata ficou feliz com a repercussão porque entende a vulnerabilidade sofrida pelos animais e incentiva a adoção responsável.

“(…) diante de tudo isso, o único sentimento que tenho no meu coração é que, se nós conseguirmos conscientizar as pessoas do auxílio que esses animais precisam, já vai ter valido a pena. O meu desejo é que não exista mais abandono de animais e que eles não passem fome, porque tudo que eles nos oferecem, independentemente das circunstâncias, é amor”, ela finalizou.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SEGUNDA CHANCE

INSPIRAÇÃO

DESCARTE IRRESPONSÁVEL

BOA AÇÃO

CHINA

HEROÍNA

FINAL FELIZ

PAUTA EMERGENCIAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>