Vídeo mostra crueldade intrínseca à exportação de animais vivos em navios


Reprodução/YouTube

A Plataforma Anti-Transporte de Animais Vivos (PATAV) denunciou a crueldade da exportação de animais vivos através de um vídeo feito dentro de navios que transportam bois e ovelhas de Portugal para Israel.

“Sobrelotação, animais sujos, espumando — o que indica estresse e desidratação —, com chifres partidos, chão com fezes, bois deitados de lado — sintoma de doença, uma vez que não é habitual deitarem-se assim —, a arfar ou presos nas grades”, enumerou Constança Carvalho, da PATAV.

A entidade informou ao portal Público que as imagens foram obtidas em Portugal durante viagens feitas em 2019 por dois navios que saíram dos portos de Setúbal e Sines. Os brincos de identificação colocados nos animais comprovam que eles tinham origem portuguesa.

De acordo com Constança, o vídeo “alerta para um negócio que é inaceitável do ponto de vista ético e insustentável a nível ambiental”.

A PATAV anexou as imagens a relatórios que foram entregues à comissão do Parlamento Europeu recentemente criada para investigar violações à legislação que regulamenta a exportação de animais vivos. Uma denúncia também será feita à Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV).

A entidade reforça que “a responsabilidade do Estado português pelo cumprimento da legislação só termina no momento do desembarque”. Mas, segundo a PATAV, “não há ninguém para fiscalizar” o transporte marítimo de animais vivos. Constança lamentou ainda a ausência de veterinários nos navios – proposta que a instituição fez, em 2019, ao Parlamento, mas que foi negada.

Confira o vídeo divulgado pela PATAV:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESCARTE IRRESPONSÁVEL

BOA AÇÃO

CHINA

HEROÍNA

FINAL FELIZ

PAUTA EMERGENCIAL

SOLIDARIEDADE

GESTO DE AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>