Entidades pedem punição a Ricardo Salles por queimadas no Pantanal


(Foto: Lalo de Almeida/ Folhapress)

Um ofício assinado por mais de 230 entidades e ambientalistas foi encaminhado ao Supremo Tribunal Federal (STF) para cobrar punição às autoridades responsáveis por zelar pelas riquezas naturais brasileiras.

As instituições pedem a punição do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, por conta de sua postura ineficaz diante das queimadas que estão destruindo o Pantanal. Quase 3 milhões de hectares do bioma já foram devastados.

As piores queimadas sofridas pelo Pantanal nos últimos 50 anos são citadas pelos signatários do documento. Pelo meno 20% do bioma já foi atingido pelo fogo.

O Instituto Brasileiro de Proteção Ambiental (Proam), que integra o grupo de entidades que assinaram o ofício, informou ao Correio Braziliense que uma audiência pública convocada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso abrirá espaço para um debate sobre a questão ambiental no Brasil. Na reunião, serão ouvidos argumentos do governo, de ONGs de proteção ambiental e de especialistas.

De acordo com as associações que assinaram o documento, há uma omissão por parte do governo em relação ao combate às queimadas. No ofício, os signatários afirmam que “os atuais ocupantes dos postos de chefia do Poder Executivo estão arrasando este patrimônio nacional”.

Na opinião do presidente do Proam, Carlos Bocuhy, é necessário afastar dos cargos públicos os responsáveis pela devastação das florestas brasileiras.

“Para implementar as garantias constitucionais da proteção ambiental tanto no caso do Pantanal como no da Amazônia, o Brasil precisa de novos gestores, que sejam competentes. Se isso não ocorrer, os danos ambientais e econômicos serão incomensuráveis”, afirmou Bocuhy ao Correio Braziliense.

Além do Proam, outras instituições assinaram o ofício, dentre elas o Instituto Brasileiro de Advocacia Pública (Ibap), a Comissão do Meio Ambiente da OAB-SP e a Associação Juízes pela Democracia (AJD).


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>