Lealdade

Cachorro vive há 10 anos em frente a hospital à espera de tutor que morreu

Tratado como parte da família pelos funcionários do hospital, Negão é alimentado e dorme em uma casinha no local

Foto: Vladimir Vilaça/ TV Globo
Foto: Vladimir Vilaça/ TV Globo

Um cachorro espera pelo tutor que morreu há quase 10 anos em frente ao Hospital Nossa Senhora de Lourdes, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Negão nunca desistiu de reencontrar seu tutor, que morreu após ser internado na unidade hospitalar.

Comovidos com o sofrimento do animal, funcionários do hospital e de comércios da região passaram a cuidar de Negão, que também é querido por pacientes da unidade de saúde.

Os funcionários consideram o cachorro parte da família. No local, ele é alimentado e dorme em uma casinha que ganhou para ter mais conforto nas horas de descanso.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Com um irmão que precisa fazer hemodiálise, Karen Nunes vai ao hospital frequentemente e sempre encontra Negão, por quem ela é apaixonada. “Todo dia eu chego aqui, ele vem e sorri”, contou Karen ao G1.

Recentemente, o cão foi diagnosticado com um problema no fígado. Para tentar ajudá-lo, os funcionários do hospital iniciaram uma campanha que visa dar ao animal o tratamento veterinário necessário. Eles também buscam um lar para o cachorro.

Interessados em adotá-lo ou contribuir com a campanha devem entrar em contato com os funcionários do hospital através do e-mail [email protected]


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui