Tucano morre degolado após se ferir com linha de cerol usada em pipa


Foto: Aparecido Brandão/Arquivo Pessoal

Um tucano morreu degolado no bairro Cristo Redentor II, na cidade de Corumbá, na região do Pantanal, no Mato Grosso do Sul. O corpo foi encontrado no último sábado (15).

A ave estava morta dentro de uma serralheria. Ela foi atingida por uma linha de cerol utilizada em uma pipa. O material cortante fere e tira a vida de muitos animais.

Aparecido Brandão, proprietário do estabelecimento, relevou ao G1 que o tucano foi encontrado já sem vida por um funcionário. A ave estava no topo de um pé de laranja, enrolada em uma linha de cerol e com uma ferida no pescoço.

Brandão considera que o acidente com o animal silvestre esteja relacionado ao aumento no número de crianças e jovens soltando pipa na região durante a quarentena. O uso de cerol, no entanto, é proibido por lei.

A Polícia Militar Ambiental (PMA) informou que neste ano duas araras morreram e um periquito ficou ferido após terem contato com linhas de cerol.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

DEBILITADO

DECISÃO JUDICIAL

INSPIRAÇÃO

DENÚNCIA

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

RETROCESSO

RESPONSABILIDADE

SOLIDARIEDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>