Descarte inadequado

Alce vive há mais de um ano com pneu preso no pescoço

Reprodução
Reprodução

O Colorado Parks and Wildlife está pedindo ajuda aos visitantes para localizar um alce que está com um pneu de borracha preso em seu pescoço há mais de um ano. O animal foi registrado por câmeras de segurança do parque nos últimos 12 meses e especialistas temem que o alce não sobreviva se o objeto não for removido.

O animal é jovem, mas com o passar do tempo ele enfrentará dificuldades para respirar e pode não sobreviver. “À medida que ele continua a crescer, ele não terá o espaço que agora tem para comer livremente, respirar e beber”, disse Jason Clay, um porta-voz do parque em uma entrevista à Fox 31.

Guardas florestais apontam ainda que o alce pode ser atacado por outros animais da mesma espécie em razão da presença do objeto estranho que pode ser confundindo como uma ameaça. Clay pontuou ainda que, infelizmente, não é incomum encontrar alces com objetos estranhos em seus pescoços e chifres.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Já foram encontrados alces com objetos de Natal, redes, objetos plásticos, cordas e muitas outras coisas absurdas. O parque divulgou imagens do alce em suas redes sociais e surpreendeu seu público e seguidores. As fotos estão trazendo reflexões sobre o impacto das ações humanas na natureza e a importância do descarte consciente do lixo.

“É muito triste que as pessoas tratem nossos parques e áreas de recreação (estaduais e nacionais) como se fossem zonas de despejo para jogar o lixo sem qualquer preocupação com a vida selvagem e a vegetação da área. Rezo para que o alce seja encontrado para que o pneu possa ser removido de seu pescoço”, disse um seguidor.

Reprodução

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui