Tartarugas são devolvidas à natureza após meses de reabilitação no Paraná


Foto: Divulgação/UFPR

Quatro tartarugas foram devolvidas ao mar na última segunda-feira (10) após serem reabilitadas. A soltura foi realizada no Pontal do Paraná, no litoral do estado.

Encontradas debilitadas, elas foram resgatadas e receberam tratamento no Centro de Reabilitação, Despetrolização e Análise da Saúde da Fauna Marinha (CReD) da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Três dos animais pertencem à espécie tartaruga-verde e a outra é uma tartaruga-cabeçuda. A última, apresentava uma coloração incomum que chamou a atenção dos pesquisadores do CReD.

Resgatada em maio, a tartaruga tinha uma cor diferente dos demais animais da espécie. “Era um animal de uma coloração extremamente atípica, muito mais clara do que estávamos acostumados”, afirmou ao G1 a médica veterinária Carolina Jorge.

Foto: Divulgação/UFPR

Foi então que os pesquisadores descobriram que o animal pertencia a uma espécie híbrida com cor e peso que se diferenciavam de outras espécies.

Os animais foram submetidos à limpeza de casco e exames, além de terem recebido cuidados como hidratação.

O CReD já mudou o destino de 60 tartarugas neste ano, resgatadas entre janeiro e agosto.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CHINA

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO

COMPAIXÃO

VIOLÊNCIA

PESQUISA

APELO

RECOMEÇO

BARBÁRIE

SEGUNDA CHANCE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>