Chacina

Moradores denunciam matança de 30 gatos em praça no Rio de Janeiro

O crime está sendo investigado pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA)

Reprodução/Pixabay/Imagem Ilustrativa
Reprodução/Pixabay/Imagem Ilustrativa

Pelo menos 30 gatos foram alvos de uma verdadeira chacina no Rio de Janeiro. Os animais, que integravam uma colônia de 100 gatos, foram mortos em uma praça em Vila Valqueire, na Zona Oeste da cidade. A suspeita é de envenenamento.

Moradores denunciaram o caso à Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) na última terça-feira (28). Os corpos estão sendo examinados no Instituto Jorge Vaitsman, da Prefeitura do Rio de Janeiro, para que a causa da morte seja confirmada.

“As senhoras que têm ali no condomínio cuidam dos gatos. Eles são alimentados ali e, inclusive, oitenta por cento dos gatos são castrados. Os bichinhos não causam problema para ninguém”, afirmou ao G1 o morador Cláudio Avelar.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Protetores de animais afirmam que os cachorros e gatos abandonados da cidade passaram a ser mais perseguidos graças à omissão da prefeitura, que não realiza campanhas de conscientização, nem apoia voluntários que cuidam desses animais.

“No dia 22, quando as senhoras foram lá na Subem, Secretaria de Bem Estar Animal, disseram para essas senhoras que assim que eles tivessem tempo e viessem por essa área, eles iam aparecer por lá para as pessoas verem os coletes da prefeitura”, disse Cláudio. Segundo ele, a visita ainda não ocorreu.

Os crimes contra os gatos também foram denunciados à polícia pelo presidente da Comissão de Direito dos Animais da Câmara de Vereadores do Rio, Luiz Carlos Ramos Filho (PMN). “Vamos fazer uma operação no local. Essas barbaridades vêm aumentando. Esta semana mesmo minha equipe fez uma outra operação para salvar animais e até mesmo crianças de envenenamento. Uma crueldade criminosa que precisamos combater junto com a polícia, antes que façam outras vítimas”, afirmou.

A DPMA informou que o caso está sendo investigado e que testemunhas serão ouvidas. Equipes das subsecretarias de Proteção Animal, do Estado, e de Bem-estar Animal, da cidade do Rio, farão uma operação no local na próxima segunda-feira (3). Os gatos serão microchipados e castrados, casinhas serão instaladas e ações de conscientização serão realizadas envolvendo os moradores da região.

Abandonar, envenenar e maltratar animais é crime previsto na Lei de Crimes Ambientais, com pena de até um ano de detenção, além de multa.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui