Crime ambiental

Incêndio em reserva no RJ destrói o equivalente a 673 campos de futebol

As chamas se originaram em um carro incendiado por seu proprietário. O aposentado de 66 anos tentou dar um golpe no seguro do veículo

Foto: Divulgação/Inea
Foto: Divulgação/Inea

Um incêndio florestal destruiu 673 hectares da Reserva Biológica de Araras, em Petrópolis, no Rio de Janeiro – o correspondente a 17% do território. O fogo foi controlado na última quarta-feira (29).

O tamanho da destruição se equivale a 673 campos de futebol, isso é, 6,7 milhões de metros quadrados. A reserva tem 3.862 hectares e está localizada na Serra dos Órgãos.

Trata-se do maior incêndio registrado na região neste ano. As chamas se originaram em um carro incendiado por seu proprietário. O aposentado de 66 anos tentou dar um golpe no seguro do veículo.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

O caso foi descoberto após imagens de câmera de segurança flagrarem o homem comprando gasolina em um posto de combustíveis em Três Rios no dia anterior ao crime. O motorista, que compareceu à delegacia para denunciar que seu carro havia sido roubado e incendiado por criminosos, foi preso após a polícia desconfiar de sua versão. Ele responderá pelos crimes de estelionato tentado e incêndio.

Mais de 100 pessoas se uniram para interromper o incêndio, que só foi controlado após três dias. Faziam parte da força-tarefa militares do Corpo de Bombeiros e agentes do Inea, Ibama, ICMBio, Defesa Civil e Guarda Civil Municipal.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui