Saudade

Após morte de tutor, cão não sai de perto de urna com cinzas do homem

Vivenciando um difícil período de luto, o cachorro se nega a se separar de seu amado tutor

Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Com saudade de seu tutor que morreu, um cachorro não consegue sair de perto da urna na qual estão as cinzas do homem, que foi cremado. De alguma forma, o husky siberiano sabe que ali está o que um dia foi seu inseparável companheiro.

O caso comovente aconteceu em Los Mochis, no México, e emocionou internautas após ser publicado no Twitter.

Filha do tutor do cachorro, Gabriela Mondaca usou as redes sociais para eternizar, através da publicação de uma foto, o ato de amor e lealdade do husky.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Segundo ela, todos os dias o cachorro vai até a urna e fica deitado em frente ao objeto. Algumas vezes, Gabriela flagrou o animal chorando, demonstrando o quão difícil está sendo esse período de luto.

“Meu cachorro dormia ao lado do meu pai, ele o levava para passear todos os dias sem falhar e quando nos deram suas cinzas, meu cachorro não saiu de perto por um segundo e chorou, então não me diga que os animais não tem sentimentos”, disse Gabriela em sua publicação.

Milhares de pessoas curtiram, comentaram e compartilharam a imagem nas redes sociais.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui