Hoje é dia de lembrar a importância da preservação das florestas


Hoje é dia de lembrar de proteger as nossas florestas.
Foto: Reprodução/ Pixabay

Hoje, dia 17 de julho, é celebrado o Dia da Proteção às Florestas. Um dia importante para nós brasileiros lembrarmos o quanto é fundamental a preservação das nossas matas. Aproximadamente 20% de todas as espécies da Terra vivem no Brasil, principalmente na Floresta Amazônica.

Essa data também marca o Dia do Protetor de Florestas, figura associada ao personagem do folclore brasileiro Curupira, um menino de cabelos compridos e vermelhos, cuja característica principal são os pés virados para trás. Segundo o folclore, o Curupira protege as florestas das agressões constantes do homem, tais como desmatamento e caça de animais. Os agressores são atraídos por essa figura e nunca mais retornam, perdendo-se na mata.

Veja no vídeo abaixo, a história do menino Curupira:

Mas, infelizmente, o menino de pés virados para trás é apenas uma figura do folclore brasileiro. De acordo com estudos da Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO), entre 2010 e 2015, a área de floresta natural do mundo diminuiu 6 milhões de hectares por ano. A agricultura comercial é responsável por 70% da destruição de florestas em países tropicais e subtropicais, segundo dados da organização Florest Trends.

Foto: Reprodução/Pixabay

Faça sua parte

É sempre bom lembrar a importância das florestas para a nossa sobrevivência, e a conscientização da população é primordial.

As florestas proporcionam um tipo de riqueza muito importante para a humanidade, os chamados serviços ecossistêmicos, que são diversos benefícios, como alimentos, matéria prima, belas paisagens, regulação do clima, biodiversidade, turismo, entre outros.

No Brasil, a responsabilidade é ainda maior, já que possuímos a floresta Amazônica, maior floresta tropical do mundo, uma das mais importantes em reservas energéticas, e uma fauna e flora amplamente diversificada.

Nos quais 10% das espécies de fauna e flora do mundo está praticamente em toda a costa brasileira. Todas elas são responsáveis por uma grande parte do equilíbrio ecológico do país e do mundo, afetando diretamente a nossa vida, tanto nos aspectos da saúde e bem estar, quanto econômicos.

Foto: reprodução/ Pixabay

No dia a dia, é importante que cada pessoa faça a sua parte pela preservação das florestas. Listamos algumas dicas para você poder colaborar para a vida longa da vegetação.

Use produtos feitos com madeira de reflorestamento: o reflorestamento consiste em repor a vegetação em locais que foram anteriormente desmatados, devolvendo vida a esses ambientes de florestas comprometidas por alguma razão.

Não coloque fogo em matas: fazer queimadas sem controle pode causar sérios prejuízos à fauna e à flora, reduzindo a cobertura vegetal e diminuindo a fertilidade do solo e comprometendo a qualidade do ar.

Não jogue lixo no meio ambiente: o lixo entope bueiros, suja rios o que faz com que os peixes venham a morrer, além de sujar a água limpa que poderíamos beber, contamina o solo, além de ser uma falta de respeito e consideração com os seus semelhantes e com o meio ambiente.

Use produtos recicláveis e reciclados: ao usar papel reciclado, menos árvores precisam ser cortadas, economizando e evitando a extração de nova matéria-prima sendo retirada da natureza.

Não jogue cigarros ou objetos em combustão em florestas ou áreas de mata:
De acordo com relatório da NBC News, a bituca de cigarro polui mais o oceano do que sacolas e canudos de plásticos. Segundo a organização mundial da Saúde (OMS), o número estimado de fumantes no Mundo é de aproximadamente 1 bilhão e meio.

Faça sua parte e converse com sua família, seus amigos, pessoas próximas ao seu redor sobre a importância de cuidarmos bem das florestas. Tenha consciência do seu impacto, entendendo que suas ações diárias podem salvar milhares de árvores diariamente.

Foto: Reprodução/Pixabay

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

BOA AÇÃO

CHINA

HEROÍNA

FINAL FELIZ

PAUTA EMERGENCIAL

SOLIDARIEDADE

GESTO DE AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>