Recuperação

Após ter patas decepadas, pit bull Sansão caminha sem ajuda de cadeira de rodas

Apesar de ter começado a se adaptar a cadeira de rodas, Sansão também consegue se locomover sem a ajuda dela

Reprodução/Instagram/@todospor.sansao
Reprodução/Instagram/@todospor.sansao

O pit bull Sansão, que teve as duas patas traseiras decepadas, deu um exemplo de resiliência ao caminhar sem a ajuda de cadeira de rodas. Usando apenas as patas dianteiras, o animal aparece correndo em um vídeo feito no Hospital Veterinário da Faculdade Arnaldo, em Belo Horizonte (MG).

As imagens foram feitas na manhã de terça-feira (14). Sansão segue internado no hospital, recebendo os cuidados necessários e fazendo fisioterapia. Ele também está sendo medicado com antibiótico e anti-inflamatório.

Sansão está se recuperando e respondendo bem ao tratamento, inclusive contra a anemia. O pit bull tem se alimentado e consumido água normalmente. “Ele está evoluindo bem, reagindo muito bem. Ele é muito forte”, afirmou a médica veterinária Ticiana Lima Dornas, em entrevista ao G1.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

A recuperação do cachorro é comemorada pela família. “A recuperação dele está acelerada, graças a Deus”, disse Gleidson Justino da Silva, um dos tutores de Sansão.

Desde que foi agredido, Sansão já ganhou duas cadeiras de rodas e tem se adaptado bem ao seu novo meio de locomoção.

“Assim que colocamos a cadeira, ele estranhou na hora, mas não demorou e já deu alguns passos. Para ajudar na adaptação, hoje já começam as sessões de fisioterapia. Acredito que em duas semanas, a cadeira já vai ser algo natural pra ele”, explicou a veterinária.

Através da rede social criada para o cachorro, a família de Sansão divulgou o vídeo do animal correndo apenas com o apoio das patas dianteiras. “Acredite! Você pode fazer coisas incríveis” Força de vontade não falta no nosso garoto! Que lição de vida”, diz a publicação.

O pit bull teve suas patas decepadas no dia 6 de julho. Dois homens são investigados pelo crime. Como consequência dos atos dos quais é acusado, um deles teve sua demissão anunciada pela advogada da transportadora Zappellini, onde o homem trabalhava.

Confira abaixo o vídeo de Sansão caminhando pelo hospital:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui