Amor verdadeiro

‘Me trouxe a vida de novo’, diz mulher que superou depressão após adotar cachorro

O final feliz do cachorro se tornou também o de sua tutora, que passou a ter uma vida melhor desde a adoção do animal

Foto: Facebook / Bruna Ribeiro
Foto: Facebook / Bruna Ribeiro

Bruna Ribeiro, que mora em São Paulo, procurava um cachorro de raça quando entendeu que mais importante do que raça é adotar um animal que precisa de um lar e que é rejeitado por muitos justamente por não ter raça alguma.

A comprovação disso veio quando, após adotar um cão sem raça definida, ela superou um quadro depressivo por conta da companhia do animal.

Tike, como é chamado o cachorro, ganhou uma chance ao encontrar um lar e salvou a vida de sua nova tutora.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

“Desde o primeiro momento eu já te amava muito no fundo do meu coração. Há um mês ele chegou e tem me conquistando cada dia mais e mais. É companheiro, fofo, bonzinho, não deu trabalho nenhum e é muito dócil”, afirmou Bruna nas redes sociais.

“Vira-lata da minha vida que me tirou de uma depressão e me trouxe a vida de novo, não importa a raça, todos têm o mesmo coração”, completou.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui