Após morte de coelho, Angelina Jolie adota dois animais com deficiência


Angelina Jolie, sua filha Vivienne e o cão da família (Foto: Grosby Group)

Um coelho tutelado por Angelina Jolie morreu recentemente. Apegada ao animal, a filha caçula da atriz, Vivienne, sofreu bastante com a morte. Para tentar amenizar a situação e dar uma chance a animais necessitados, a artista recorreu à adoção.

Em entrevista ao Harper’s Bazaar, Jolie revelou que adotou dois animais com deficiência.  De acordo com a artista, sua filha de 11 anos ficou triste com a morte do coelho, que partiu durante uma cirurgia.

“Como a maioria dos pais, me concentro em manter a calma, para que meus filhos não sintam ansiedade por mim, além de tudo com que se preocupam. Coloco toda a minha energia neles”, contou.

A atriz disse que o animal não resistiu ao procedimento cirúrgico, que teve que ser feito durante o isolamento social imposto pela pandemia de coronavírus. “Durante o isolamento, o coelho de Vivienne faleceu durante uma cirurgia e adotamos dois pequeninos que são deficientes”, disse.

Os novos membros da família, segundo Jolie, são muito dóceis. “Eles precisam viver em par. Eles são muito gentis e isso a ajudou a se concentrar nos cuidados neste momento”, afirmou.

Além de ter a companhia dos animais, Jolie tem cumprido a quarentena em casa ao lado de seus filhos Maddox, 18 anos, Pax, 16 anos, Zahara, 15 anos, Shiloh, 13 anos e os gêmeos Knox e Vivienne, de 11 anos.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>