Desmitificação

Estudo aponta que veganos podem ter maior resistência atlética

Pixabay
Pixabay

Um novo estudo sugere que pessoas que têm uma dieta vegetariana estrita, totalmente livre de alimentos de origem animal, podem ter maior resistência atlética que os onívoros. A pesquisa foi realizada para desmitificar a ideia de que pessoas que não comem carne têm menor resistência física.

O dados obtidos apontam que abandonar dietas com alimentos de origem animal é extremamente benéfico e não prejudica em absolutamente nada a resistência física ou força muscular, muito pelo contrário, pode aumentá-las de uma maneira muito mais saudável e menos prejudicial ao corpo.

O co-autor do estudo, Guy Hajj Boutros, professor da Universidade do Quebec em Montreal (UQAM) e pesquisador da Universidade McGill, explica que “é uma crença popular [que uma dieta vegana possa está lida a um menor desempenho atlético] e eu não acredito nisso, e é por isso que decidimos fazer o estudo”, disse.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Ela acrescenta ainda que com a ascensão recente do estilo de vida vegano, ainda há poucos estudos na área, o que fomenta a disseminação de mitos e informações falsas. “Vimos que não existem muitos estudos sobre esse assunto. Se houver, eles são feitos mais sobre vegetarianos. Eles não se concentraram em dietas veganas”, salienta.

Os pesquisadores queriam examinar as diferenças entre a resistência muscular entre veganos e onívoros. O estudo analisou 56 mulheres descritas como jovens, magras e fisicamente ativas. Metade das participantes eram onívoras e a outra metade veganas, que seguiam a dieta há pelo menos dois anos.

Elas registraram suas refeições por três dias e depois realizaram testes de força e resistência, onde precisaram se exercitar até atingir seu limite máximo. Os resultados foram interessantes. “É um teste de fadiga, e os veganos realmente tiveram um desempenho melhor”, disse Hajj Boutros.

O pesquisador acredita que esse diferencial pode estar relacionado à grande ingestão de carboidratos feita pelos veganos. O estudo conclui ainda que “uma dieta vegetariana estrita não parece ser prejudicial à resistência e força muscular em mulheres jovens e magras saudáveis”.

Hajj Boutros salienta que o estudo pode sepultar o mito de que veganos são fracos de uma vez por todas. “De fato, nosso estudo mostrou que a resistência submáxima pode ser melhor em veganos do que em onívoros. Portanto, essas descobertas contradizem a crença popular da população em geral”, conclui.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

1 COMENTÁRIO

  1. Sou vegana há 5 anos e faço musculação e atividades aeróbicas frequentemente. E sempre notei que minha resistência é maior que das minhas colegas onivoras que praticam as mesmas atividades que eu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui