‘Eles são tudo pra mim’, diz tutora após reencontrar cães levados por criminosos


Brigada Militar / Divulgação

Uma idosa de 62 anos, que não quis ser identificada, reencontrou seus cães após Caê e Dafne, da raça shih tzu, serem levados por criminosos durante um assalto. Os animais foram localizados pela Brigada Militar na última segunda-feira (25) no bairro Sarandi, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

O crime aconteceu há 15 dias, em Canoas, na Região Metropolitana. A idosa foi abordada por criminosos no Dia das Mães, quando chegava à casa de uma amiga. Os bandidos levaram o carro dela – com ele, foram os dois cães.

“Foram dias horríveis separada deles. Eles são tudo pra mim e foram levados justamente naquele dia simbólico”, disse a idosa, em entrevista ao portal GaúchaZH.

A mulher ainda foi vítima de extorsão. Isso porque os criminosos pediram R$ 1,5 mil a título de resgate, mas não devolveram os cães.

Os animais foram localizados após o 11º Batalhão da Brigada Militar receber, na segunda-feira, uma denúncia sobre o carro. Após perseguição, a polícia recuperou o veículo e prendeu três pessoas – que indicaram o local onde os cães estavam.

Caê e Dafne foram deixados pelos criminosos em um terreno ao lado da casa de um deles. Após serem encontrados, os cães foram levados pelos policiais até a 3ª Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, onde reencontraram a idosa.

Ao verem a tutora, os animais correram para o colo dela. “Me sinto aliviada em ver que estão bem”, afirmou a mulher.

Apesar de estarem aparentemente bem, os cães perderam peso, segundo a tutora, que também avaliou que eles precisavam tomar banho. Ela informou ao jornal que os levaria ao veterinário.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

POLÍTICA PÚBLICA

RECOMEÇO

BANALIZAÇÃO

CAZAQUISTÃO

DESMATAMENTO

BARBÁRIE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>