Gato prende a cabeça em lata e caso reforça necessidade do descarte correto de lixo


Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Um gato prendeu a cabeça em uma lata vazia de milho e foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros. O acidente aconteceu em Goianésia (GO).

Os militares foram acionados na última segunda-feira (11) para salvar o animal, que não conseguia retirar por conta própria a cabeça de dentro da lata.

O acidente, segundo informações divulgadas pelo G1, aconteceu no quintal da casa da família que tutela o gato, no bairro Bouganville.

Para salvar a vida do animal, os bombeiros precisaram usar um alicate. Com o objeto, expandiram a boca da lata, permitindo que a cabeça do gato fosse retirada.

Apesar do acidente, o gato não sofreu nenhum ferimento e foi devolvido aos tutores em segurança.

Descarta adequado de lixo

Para evitar que animais fiquem presos em embalagens de produtos é importante descartá-las de maneira correta. A destinação do lixo, que deve ser sempre colocado na lixeira para ser retirado pelo caminhão de coleta, após separação dos recicláveis, é primordial.

Além disso, é importante amassar latas e qualquer outro tipo de embalagem que possa resultar em acidentes com animais. Até mesmo embalagens aparentemente mais inofensivas causam riscos. Recentemente, um ouriço ficou preso em um copo de milk-shake vazio na Alemanha.

Lavar, sempre que possível, os itens antes de descartá-los de maneira correta também é uma forma de proteger os animais, já que eles costumam ser atraídos pelo cheiro dos resquícios de produtos deixados nas embalagens.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROTEÇÃO ANIMAL

CRUELDADE

GRATIDÃO

ESPECIAL

ALEGRIA

VÍTIMAS DA CAÇA

MAUS-TRATOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>