Crime ambiental

Caçadores flagrados com animais silvestres mortos são presos no Piauí

Oito corpos de tatus, mortos pelos caçadores, foram encontrados pela polícia

Foto: BPA

Três caçadores flagrados com animais silvestres mortos foram presos pela Polícia Ambiental no município de Brejo do Piauí (PI). A prisão foi realizada nas proximidades do Parque Nacional Serra da Capivara, na última semana.

Foto: BPA

Os agentes viram rastros de motos em um caminho que levava ao parque, segundo o portal SRN, e seguiram os vestígios, que os levaram a um dos caçadores, que estava com três tatus mortos e dez armas do tipo “espingardinha”.

Após novas buscas, outros dois caçadores foram localizados. Com eles, foram encontrados três tatus e 28 “espingardinhas” usadas para matar os animais. Uma espingarda do tipo “bate bucha” e duas motos também foram localizadas. Todos os itens foram apreendidos.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Os policiais também encontraram dois tatus mortos em uma geladeira de outro caçador da cidade. Todos eles foram autuados na Delegacia de Canto do Buriti e responderão por crime ambiental.

Foto: BPA

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui