Pandas acasalam em cativeiro após 10 anos e caso reacende debate sobre fim dos zoológicos

Mariana
abril 8, 2020

Foto: Reprodução/Twitter

Um casal de pandas acasalou no zoológico de Ocean PArk, em Hong Kong, na China, após 10 anos sem praticar o acasalamento. A espécie é conhecida pela dificuldade em ter libido para realizar a reprodução.

O fato reacendeu o debate sobre o fim dos zoológicos, que exploram animais para entretenimento humano. Isso porque os pandas só acasalaram no momento em que Hong Kong, assim como cidades do mundo inteiro, está praticando a quarentena por conta do coronavírus. Sem visitantes no zoo, os animais aproveitaram o silêncio e acasalaram.

A dupla vive junto desde 2007 e, segundo os biólogos do Ocean Park, o macho Ying Ying e a fêmea Le Le têm idade para acasalar desde 2010. Não se sabe ainda, porém, se o acasalamento resultou em gravidez. Isso só será descoberto entre 14 e 17 dias antes do parto. A gestação pode durar entre 74 e 326 dias.

O caso reforça a necessidade de extinguir os zoológicos. Aprisionar animais, submetendo-os ao estresse gerado pela presença de visitantes em grandes grupos, e condenar filhotes a nascer em cativeiro, sendo forçados a viver uma vida no cárcere, sem nunca conhecer a natureza, é de extrema crueldade.

Maus-tratos e depressão são comuns em locais que aprisionam animais. Inclusive, em 2013, o fotógrafo canadense Gaston Lacombe viajou por nove países para mostrar a infelicidade de animais que vivem em cativeiro. A tristeza retratada nas imagens é comovente.

“Animais em zoológicos sofrem tremendamente, tanto fisicamente quanto mentalmente. Eles muitas vezes demonstram comportamentos neuróticos. Não é surpreendente, afinal, a jaula de um urso polar é um milhão de vezes menor do que seu habitat natural”, afirmou Mimi Bekhechi, diretora da entidade de proteção animal PETA, em entrevista à National Geographic.

Will Travers, diretor de cinema e presidente da ONG Born Free, lembrou ainda que apenas 15% dos animais aprisionados em zoológicos estão ameaçados de extinção – dado que refuta o argumento dos zoos de que é necessário prender animais em jaulas para conservar espécies. Essa suposta conservação, aliás, não se adequada aos preceitos dos direitos animais nem mesmo quando se trata de animais sob ameaça de extinção. Isso porque não é ético preservar uma espécie aprisionando-a. O correto, conforme alertam ativistas, é que programas de conservação reintroduzam os animais à natureza.

Essa reintrodução, porém, não ocorre na maior parte das vezes. Travers lembra que “uma porção ainda menor [do que a porcentagem de animais ameaçados de extinção mantidos pelos zoos] faz parte de programas de reproduções e, destes, poucos foram devolvidos à natureza”. “Não há nada que justifique milhões de animais selvagens mantidos em zoos”, afirmou.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Você viu?

Escute Foto: Instagram @saminthewild_

Escute Pixabay O aquecimento

Escute Pixabay Os guepardos

Escute Shutterstock Fernanda* tem

Escute Divulgação A grande

Pixabay Líderes mundiais estão

Pixabay Fornando Tortato normalmente

Ativistas em defesa dos

Lincoln e seu amigo

Escute Pixabay Uma superenzima


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"cf6ff":{"name":"Main Color","parent":-1},"73c8d":{"name":"Dark Accent","parent":"cf6ff"}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default","value":{"colors":{"cf6ff":{"val":"rgb(243, 243, 243)","hsl":{"h":0,"s":0.01,"l":0.95}},"73c8d":{"val":"rgb(217, 216, 216)","hsl_parent_dependency":{"h":1,"l":0.85,"s":-0.05}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
OK
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
>