Jovem passa quarentena salvando animais presos em Wuhan, na China


Ye Jialin entrou nas casas de pessoas cujos animais domésticos foram deixados sozinhos para alimentá-los e verificar como estavam

Foto Fran/Pixabay

O epicentro da covid-19, a cidade de Wuhan, na China, foi rapidamente isolada do resto do país e, inclusive, houve um terrível abandono de cães e gatos tanto nas ruas quanto dentro dos apartamentos para onde muitos moradores não retornaram por estarem internados ou por terem deixado a cidade. Em poucas horas, o caos já estava formado, atingindo especialmente os animais domésticos.

Mas houve quem se mobilizasse para salvar vários desses animais. Ye Jialin foi uma dessas pessoas que passou a quarentena socorrendo cães e gatos.

“As pessoas foram forçadas a evacuar Wuhan quando o coronavírus atingiu seu pico lá. E quem não estava na cidade não pôde voltar. Muitas pessoas deixaram apenas água e comida suficiente para alguns dias para seus animais pensando que voltariam rapidamente. Mas eles não foram capazes de voltar tão rápido. Muitos animais morreram”, disse o jovem chinês ao portal One Green Planet.

Ele se ofereceu para entrar nas casas e apartamentos de pessoas cujos animais estavam sozinhos, para alimentá-los, dar-lhes água fresca e verificar como estavam. Algumas pessoas estavam tão preocupadas que até disseram para ele invadir os imóveis.

O corajoso rapaz colocou sua própria vida em risco para ajudar cães e gatos a atravessar esse momento difícil e passou a ser considerado um verdadeiro herói pela vizinhança. Veja o vídeo do The Guardian que mostra um pouco do trabalho feito por Ye Jialin:

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROGRESSO

GANÂNCIA

DESTRUIÇÃO AMBIENTAL

COREIA DO SUL

VEGANISMO

PRESSÃO PÚBLICA

RESILIÊNCIA

RECOMEÇO

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>