Proteção Animal

Santuário em Taiwan abriga três mil cães vítimas de maus-tratos e abandono

O reduto fica localizado num país que, embora seja vizinho da China, registrou até agora poucos casos e mortes de covid-19 

Foto Facebook Hsu`s Sanctuary

Um tour pelo Facebook do “Hsu’s Sanctuary”, em Taiwan, deixa qualquer pessoa impressionada tal a quantidade de animais espalhados por uma área muito bem organizada que conta até com um gigante dormitório repleto de caminhas de madeira.

A família Hsu teve a ideia de abrir um abrigo há cinco anos quando começou a se deparar com cães feridos e mutilados pelas ruas, alguns fugitivos de açougues porque o consumo de carne de cachorro ainda era bem popular no país.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO
Foto Facebook Hsu`s Sanctuary

Em 2017, uma lei em Taiwan passou a proibir o consumo da carne de cachorro e gato, o que foi uma grande vitória para os animais. Mas a medida também provocou a soltura de muitos animais presos em matadouros que não tinham para onde ir e passaram a perambular pelas cidades.

Nesse momento a família Hsu se viu obrigada a atender mais animais e ganhou de presente uma extensa área para cumprir essa missão. Hoje são mais de 3 mil animais, muitos funcionários e voluntários.

Foto Facebook Hsu`s Sanctuary

Além dos cuidados veterinários, o santuário tem uma sala para banho e tosa e um parque de diversões para os cães interagirem. Alguns voluntários produzem também cadeiras de rodas personalizadas e a baixo custo para cães carentes.

Taiwan tem sido apontado como bem-sucedido no controle do covid-19. Claro que a população de 23 milhões de habitantes é pequena se comparada a de outros países, mas em compensação tem a China, epicentro da pandemia, como vizinha. No boletim divulgado há dois dias eram 252 casos da doença com apenas duas mortes.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui