Esclarecimento

Conheça as diferenças entre coronavírus que ataca humanos, cães e gatos

“Existe um tipo de coronavírus que atinge os cães, mas não tem nada a ver com o covid-19”, diz o veterinário Wanderson Ferreira do CFMV

A “família coronavírus” já existe há muito tempo causando doenças diferentes em humanos e animais, conforme gráfico acima. Segundo o veterinário do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), Wanderson Ferreira, não há motivos para as pessoas se preocuparem:

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

“Existe um tipo de coronavírus que atinge o trato gastrointestinal de cães, podendo desencadear um processo de diarreia e vômito. Mas o homem é resistente a ele e não tem nada a ver com o Covid-19, que ataca as vias respiratórias”. Também existe um coronavírus felino que, assim como o canino, também não passa para as pessoas.

Para manter o atendimento e, ao mesmo tempo, contribuir para conter a proliferação do coronavírus, o CFMV estimula que o atendimento seja feito com a presença de apenas um único tutor, evitando a aglomeração de pessoas nas clínicas e pet shops.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) também atesta que, até o momento, não há evidência significativa de que animais domésticos possam ficar doentes ou transmitir o novo coronavírus.

No entanto, tutores infectados com convid-19 devem delegar os cuidados aos seus animais a outras pessoas e, se isso não for possível, usar álcool gel antes de acariciar seus cães e gatos, pois, pode haver uma contaminação superficial do pelo desses animais do mesmo modo que haveria num corrimão de escada, por exemplo.

O cão do Hong Kong, que a princípio mostrou em exames ter “vestigíos” do covid-19, morreu dois dias depois de ser constatado, em testes mais complexos, que ele não portava o coronavírus humano. Ele era um cão idoso, com 17 anos e problemas cardíacos.  Os próprios especialistas de Hong Kong declararam que ele deve ter morrido devido ao estresse causado pela distância da família durante a quarentena. Colabore com os animais disseminando as informações corretas!

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui