Chiquita vira atendente de agência de passagens em rodoviária de Blumenau


A cadelinha acompanha a tutora ao trabalho e senta-se no guichê como uma perfeita funcionária

Chiquita na rodoviária. Foto Facebook Arquivo pessoal

De forma espontânea, a cadelinha Chiquita, de 9 anos, viralizou nas redes sociais sentada atrás de um guichê da rodoviária de Blumenau, em Santa Catarina. Os tutores de Chiquita têm uma agência de passagens e costumam levá-la ao trabalho. A cama da cadelinha fica estrategicamente posicionada do lado interior do guichê, da onde ela pode observar a movimentação das pessoas.

Ela adora ficar no balcão de atendimento prioritário. Fica só de olho na fila de passageiros“, afirmou a tutora ao SBT. Chiquita esbanja simpatia e algumas pessoas, principalmente crianças, têm ido à rodoviária só para fazer selfies ou dar-lhe presentes. Suas fotos rapidamente conquistaram elogios nas redes sociais. Chiquita já está sendo considerada “Funcionária Paixão” em alusão à “Funcionária Padrão”. Veja abaixo:

Chiquita é “Funcionária Paixão”. Foto Facebook Arquivo Pessoal
Chiquita viralizou nas redes sociais. Foto Facebook Arquivo Pessoal

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>