Registro raro

Vídeo viraliza ao mostrar nascimento de preguiça em cima de árvore

Reprodução/Facebook/Steven Vela

As imagens, que já tiveram mais de 600 mil visualizações na internet, mostram o filhote pendurado no ar pelo cordão umbilical


Um vídeo que mostra uma preguiça-de-três-dedos dando à luz um filhote em cima de uma árvore em La Fortuna de San Carlos, na Costa Rica, viralizou nas redes sociais. As imagens (confira ao final da reportagem) foram feitas pelo guia de turismo Steven Vela, de 25 anos.

“Não é todo dia que se vê o nascimento de uma preguiça”, escreveu Steven ao divulgar o vídeo, que chamou a atenção dos internautas.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO
Reprodução/Facebook/Steven Vela

Nas imagens, é possível ver o filhote pendurado no ar pelo cordão umbilical. Em seguida, a mãe o agarra e dá carinho a ele. O vídeo foi feito no dia 23 de fevereiro.

A bióloga Amanda Alves afirmou, em entrevista ao G1, que é possível que o parto das preguiças sempre aconteça nas copas das árvores, por serem locais seguros. O vídeo, segundo ela, é raro por captar exatamente o momento em que o filhote nasce.

“As preguiças em natureza são muito difíceis de visualizar por conta de sua coloração, forma e movimentos silenciosos. Este registro é raro, considerando as poucas vezes em que foi presenciado. E o fato de que os animais no geral se recolhem em ambientes mais restritos para parir”, afirmou Amanda.

A bióloga explicou ainda que, após o parto, a preguiça rompe o cordão umbilical com as garras e a boca.

Reprodução/Facebook/Steven Vela

Desde que foi publicado, na última quarta-feira (26), o vídeo ultrapassou 600 mil visualizações e quase atingiu 30 mil compartilhamentos. “Eu realmente nunca esperei que tantas pessoas divulgassem o vídeo e que tantas pessoas o vissem. Para mim foi uma surpresa ver todas as vezes que eles compartilharam, vale a pena mostrar algo assim”, disse o guia de turismo.

Foi a primeira vez que Steven teve a oportunidade de registrar um momento tão único e raro. Ele levava um grupo de estrangeiros para conhecer o vulcão Arenal quando viu a cena.

“É uma cena muito difícil de observar, em oito anos que trabalho como guia, nunca vi nada parecido. A emoção foi muito grande, não pude descrever o que senti naquele momento, só sei que era algo maravilhoso, algo que não se vê diariamente”, contou.

Reprodução/Facebook/Steven Vela

“Acho muito importante registrar todos esses eventos, pois eles nos dão uma ideia melhor do que acontece na natureza, o que acontece com esses animais”, completou.

Para Steven, estar em meio à natureza complementa o que ele aprendeu com seus professores. “Nos ensinam muitas coisas na sala de aula quando você estuda para ser um guia, mas quando se chega ao campo, vê um mundo completamente diferente e esses registros nos ajudam a enriquecer em conhecimento. Eu acho importante mostrar esses vídeos e incentivar as pessoas e as novas gerações a conservar ou preservar o meio ambiente”, concluiu.

Confira o vídeo:


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui