México

Criança gera comoção ao deixar cão em abrigo para protegê-lo de agressões do pai

Reprodução / Facebook

O menino, de apenas 12 anos, deixou o animal na porta do abrigo com uma carta que explicava a situação


Um menino deixou um filhote de cachorro em frente a um abrigo para protegê-lo das agressões que o animal sofria por parte do seu pai. O caso, que aconteceu no México, comoveu os funcionários do local.

Andrés, de 12 anos, colocou o animal dentro de uma caixa, junto de um bichinho de pelúcia e de uma carta que explicava a situação.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO
Reprodução / Facebook

“Meu nome é Andrés e tenho 12 anos. Entre minha mãe e eu decidimos deixá-lo em suas mãos, escondidos do meu pai que planejava vendê-lo. Ele o maltrata, chuta. Uma vez ele deu chute tão feio que machucou seu rabo. Espero que vocês possam ajudá-lo e cuidá-lo. Deixo o ursinho para que ele nunca me esqueça”, escreveu o garoto, segundo o Publimetro Chile.

De acordo com o abrigo, o animal realmente precisa de cuidados veterinários por conta de uma lesão no rabo. Ele não apresenta, no entanto, outras sequelas.

Após receber o tratamento necessário, o filhote será disponibilizado para adoção. A história dele foi divulgada no Facebook e comoveu internautas.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui