Proteção animal

Cadela e filhotes são salvos momentos antes de serem mortos para consumo

O Vietnã, assim como outros países asiáticos, é um grande consumidor de carne de cachorro

Fiona foi resgatada no Vietnã com vários tumores e passou por cirurgia. Foto Site Fight Dog Meat

Recentemente, o grupo “Fight Dog Meat”, que luta contra o consumo de cães e gatos em toda a Ásia, conseguiu resgatar uma cadela e seus filhotes de um matadouro no Vietnã. Uma equipe com membros do grupo passou alguns dias vasculhando florestas onde se sabe que há matadouros de cães. Normalmente, cães que possuem tutores são roubados de suas casas e levados pelos ladrões para a selva onde são mantidos em gaiolas e depois mortos para serem consumidos em restaurantes ou vendidos em mercados.

O que impressiona no vídeo do resgate é o pavor da cadelinha. Seus filhotes estão com ela dentro de uma gaiola e ela treme o corpo todo. “Essa mãe estava absolutamente petrificada com a presença das pessoas. Ela sem dúvida viu coisas chocantes acontecerem com seus amigos cachorros e filhotes anteriores. Agora ela está segura, com seus bebês!”, publicou o Fight Dog Meat em sua página do Facebook.

Veja o resgate da cadelinha e seus filhotes AQUI

Outro resgate recente no Vietnã foi de Fiona (foto de abertura dessa matéria), resgatada com muitos tumores. Ela já foi operada, mas permanece no hospital veterinário para tratar uma anemia grave e ser submetida a uma nova cirurgia mais complexa. Os ativistas dizem que ela continua “muito doce” apesar de todo o horror que já deve ter enfrentado e estão fazendo de tudo para dar qualidade de vida a ela.

O grupo tem um trabalho muito forte também em toda a China, inclusive, em Wuhan, epicentro do novo coronavírus, da onde já resgataram muitos cães e gatos e agora lutam para salvar os animais domésticos abandonados devido a uma notícia equivocada de que poderiam transmitir o coronavírus. Os ativistas têm denunciado que é costume em Wuhan os animais serem cozidos ainda vivos e conscientes em grandes caldeirões de água fervente.

Para ajudar a cadelinha, seus filhotes e outros animais acesse https://fightdogmeat.com/donate/

Fátima ChuEcco é jornalista ambientalista e atuante na causa animal

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui