Onça-pintada de 140 kg morre após atropelamento em rodovia em MS


A onça-pintada está ameaçada de extinção por conta da caça, que é proibida no Brasil, e do desmatamento, que reduz o habitat da espécie


Uma onça-pintada morreu após ser atropelada na quarta-feira (26) na BR-262, em Miranda (RS), na região do Pantanal. O animal, um macho de 140 kg, sofreu uma hemorragia interna.

(Foto: Divulgação PMA)

A Polícia Militar Ambiental (PMA) foi acionada, mas já encontrou a onça morta quando chegou ao local. A PMA informou ao portal Campo Grande News que foi alertada sobre o atropelamento por um motorista de ônibus que passou pelo local.

Após avaliar o corpo da onça, os policiais concluíram que existiam “indicativos de que o acidente teria ocorrido há pouco tempo”. Não se sabe qual veículo atropelou o animal.

Como não houve chance de socorrer a onça, o corpo dela foi retirado do local pelos agentes.

Maior felino das Américas, a onça-pintada está ameaçada de extinção. A redução no número de animais da espécie se deve ao desmatamento e à caça, que é proibida no Brasil.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESCARTE IRRESPONSÁVEL

BOA AÇÃO

CHINA

HEROÍNA

FINAL FELIZ

PAUTA EMERGENCIAL

SOLIDARIEDADE

GESTO DE AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>