Polícia desarticula rinha que explorava 19 galos em Aracati (CE)


O caso foi descoberto após uma denúncia ser feita à Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops)


A polícia desarticulou uma rinha de galos em Aracati, no Ceará, no último domingo (9) após uma denúncia anônima.

Aproximadamente 40 pessoas, entre apostadores, público e tutores dos galos, foram encontradas no local. No entanto, apenas quatro foram encaminhadas à Delegacia Regional de Aracati. No local, eles assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por maus-tratos a animais e foram liberados.

Foto: Divulgação/PMCE

O caso foi denunciado anonimamente à Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops).

Ao chegar no local, os policiais encontraram 18 galos vivos e um morto. Materiais usados para promover as rinhas também foram localizados.

Forçar animais a brigar para gerar entretenimento ao público é crime previsto na Lei de Crimes Ambientais, que prevê detenção de até um ano, além de multa.

A operação que colocou fim à rinha foi promovida por agentes da 2ª Companhia do 1º Batalhão da Polícia Militar (BPM).


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>