Transparência

PL cobra cumprimento de metas de combate à crise climática

Objetivo é fazer com que o Brasil não seja negligente em relação às mudanças climáticas, identificando e coordenando ações de mitigação

“Uso da terra e florestas responde por quase metade das emissões brasileiras, principalmente devido aos desmatamento para conversão do solo em áreas agropecuárias” | Pixabay
“Uso da terra e florestas responde por quase metade das emissões brasileiras, principalmente devido aos desmatamento para conversão do solo em áreas agropecuárias” | Pixabay

Está tramitando no Senado um projeto de lei que cobra cumprimento de metas do governo federal de combate às mudanças climáticas. O PL 4816/2019, de autoria do senador Alessandro Vieira (Cidadania-ES), exige avaliação anual de instrumentos de execução da Política Nacional Sobre Mudança do Clima (PNMC), amparada pela Lei 12.189/2009.

O objetivo do projeto é fazer com que o Brasil não seja negligente em relação à crise climática, identificando e coordenando ações de mitigação. As medidas devem envolver o Fundo Nacional Sobre Mudança do Clima e os Planos de Ação para a Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia, Cerrado e Caatinga.

A proposta cobra que relatórios sobre as ações sejam publicados na internet e encaminhados ao Congresso até o dia 15 de maio de cada ano. Além disso, segundo o PL, as ações devem ser revistas como um todo a cada cinco anos.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

“O setor de mudança do uso da terra e florestas responde por quase metade das emissões brasileiras, principalmente devido aos desmatamento para conversão do solo em áreas agropecuárias e devido aos incêndios florestais”, argumenta o senador Alessandro Vieira.

E acrescenta: “Por isso, os Planos de Ação para a Prevenção e Controle do Desmatamento nos biomas, previstos como instrumentos da PNMC, são fundamentais no sucesso da política climática brasileira, além de imprescindíveis para a conservação da nossa biodiversidade e para a manutenção dos serviços ambientais dos nossos biomas.”

O PL que já recebeu parecer favorável da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) na Comissão de Infraestrutura (CI) deve ser avaliado também pela Comissão de Meio Ambiente.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui