Transtorno psicológico

Janeiro Branco: cachorros e gatos podem desenvolver depressão

Pixabay/sergeljeanette

Traumas, abandono, chegada de um novo integrante na família, mudança de ambiente e solidão podem causar depressão nos animais


A depressão, doença que afeta 11,5 milhões de brasileiros, não se restringe apenas aos seres humanos, podendo vitimar também cachorros e gatos. Neste período é celebrado o Janeiro Branco, mês voltado à conscientização sobre saúde mental.

Pixabay/sergeljeanette

De acordo com a médica veterinária Luana Sartori, responsável pela Monello Select, traumas, abandono, chegada de um novo integrante na família, mudança de ambiente e solidão podem causar depressão nos animais. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

“A tristeza profunda acomete cães e gatos que passam por experiências difíceis, por sustos grandes ou que ficam muito tempo sozinhos. Cada animal responde de uma forma a esses fatos expostos”, explica.

A falta de apetite, que piora com o passar dos dias, é um dos sintomas da depressão. “A falta de interesse pelas coisas também pode ser sinal da doença. Ficar muito agitado, rejeitar carinhos do tutor, destruir objetos da casa, urinar em local diferente e latir em demasia também podem indicar um transtorno depressivo”, acrescenta.

Mudanças de ambiente também podem fazer o animal desenvolver a doença. Gatos, por exemplo, costumam ficar bastante estressados nessas circunstâncias.

“O que parece simples para nós, não é tão simples para o animal. As mudanças sempre causam desconforto ao animal, que já estava ambientado ao local que vivia. Sair da zona de conforto pode causar medo aos bichinhos e uma série de doenças, inclusive a ansiedade e depressão”, revela.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui