Fogo

Incêndio mata milhares de galinhas exploradas em granja no Espírito Santo

Reprodução/Jornal A Crítica

A estimativa é de que pelo menos dois terços das 90 mil aves exploradas pela granja tenham morrido


Um incêndio destruiu um aviário em Santa Maria de Jetibá, no Espírito Santo, e matou milhares de galinhas exploradas pela granja.

Reprodução/Jornal A Crítica

O fogo teve início na madrugada de quinta-feira (9) e foi controlado por uma equipe do Corpo de Bombeiros. As informações são do portal A Gazeta.

A estimativa é de que pelo menos dois terços das 90 mil aves exploradas pela empresa tenham morrido sufocadas e queimadas por conta do incêndio.

A esposa de um dos proprietários da granja contou que a primeira pessoa a notar o incêndio foi um vigia que trabalha no local. As chamas se alastraram rapidamente.

Reprodução/Jornal A Crítica

“O vigia percebeu um foco em um dos nossos galpões e nos avisou. O fogo se espalhou muito rápido e quando chegamos no local, já estava em chamas. Meu marido e o irmão, aflitos com a situação, chegaram a tentar apagar o fogo com uma mangueira. Felizmente os Bombeiros Voluntários da cidade foram rápidos, chegaram no aviário em uns 20 minutos, e conseguiram controlar o incêndio, mas infelizmente muitas aves morreram. Por volta das 5h30 não tinha mais fogo”, disse.

“Eles (Bombeiros Voluntários) fazem um trabalho que merece ser destacado. Tínhamos o temor de que o fogo se espalhasse porque esse aviário incendiado fica próximo de outros 12, além da área de classificação dos ovos e também do depósito. Poderia ter ocorrido algo pior, mas o empenho deles evitou que isso acontecesse como também salvou a vida de muitas aves. Agradecemos também à Prefeitura que disponibilizou um caminhão-pipa e também aos produtores próximos que nos ajudaram da forma que puderam. Sobre os prejuízos, ainda não calculamos, mas foi grande”, complementou.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui