Levantamento

Focos de incêndios na Amazônia aumentam 30% em 2019

Foto: Victor R. Caivano/AP

Outros biomas brasileiros também tiveram aumento nas queimadas. O Pantanal registrou a alta mais expressiva


Dados do Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) identificaram um aumento de 30% nos focos de incêndios na Amazônia em 2019 em comparação com o ano anterior. Foram 89.176 focos registrados, ante 68.345 em 2018.

Foto: Victor R. Caivano/AP

Outros biomas brasileiros também registraram aumento nas queimadas em 2019. No Pantanal, que teve alta mais expressiva, foram registrados 10.025 focos, o que representa um aumento de 493%. As informações são do G1.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

No Pampa, o aumento foi de 91%, com 1.420 focos de queimadas. Já no Cerrado, foram registrados 63.874 focos, com 62% de aumento.

O levantamento indicou ainda uma alta de 61% nos incêndios na Mata Atlântica, com 18.177 focos e de 32% na Caatinga, com 14.960 focos.

Para obter os dados, o Programa Queimadas do Inpe utiliza o satélite Aqua.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui