Queimadas

Escola se torna abrigo de coalas resgatados de incêndios na Austrália

Foto: Getty Images

Cercados adaptados com plantas e tapetes higiênicos foram colocados nas salas de aulas e nas quadras de esporte da escola para dar conforto aos coalas


A Paradise Primary School, em Adelaide, na Austrália, tornou-se o abrigo de coalas resgatados dos incêndios florestais no país. A escola infantil está recebendo animais encontrados com queimaduras e sem acesso à comida, que estão sendo tratados em salas de aulas e quadras de esporte por 150 voluntários.

Foto: Getty Images

No local, cercados adaptados com plantas e tapetes higiênicos foram colocados para o conforto dos coalas, que estão recebendo todos os cuidados necessários. As informações são da revista Época.

Dos animais recebidos na escola, 35 já receberam alta médica. No entanto, mais coalas têm chegado ao local mesmo após quase três semanas do início dos incêndios.

A diretora do Adelaide Koala Rescue, Jane Brister, afirmou ao jornal Daily Mail que os coalas mais feridos escaparam do fogo escalando árvores, mas acabaram queimando as patas ao descerem pelos troncos ou enquanto procuravam alimento em regiões atingidas pelos incêndios.

Foto: Getty Images

“É quase como se eles estivessem se enrolado em uma bola de chamas”, disse.

Jane explicou que alguns animais foram resgatados extremamente debilitados e, por isso, precisaram ser sacrificados. “Essa situação é muito angustiante para nós, temos muitas pessoas em nossa equipe que estão traumatizados. Depois de assistirem a coisas terríveis, eles estão tendo acompanhamento”, contou.

O Adelaide Koala Rescue atende os animais da espécie o ano todo e costuma atender, segundo Jane, 35 pacientes anualmente. No entanto, desde que os incêndios começaram já foram atendidos mais de 250 coalas.

“Estamos recebendo ajuda de fora do estado e também de outros países. Também temos pessoas voluntárias para virem buscar árvores para os coalas e para lavar todas as toalhas que usamos como roupa de cama. O apoio da comunidade tem sido maravilhoso”, concluiu.

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui